Uespi

Brasão_da_UESPI.512x512-SEMFUNDO

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO PIAUÍ

Brasao_Pi_h

Confira como foi a palestra “Valorização da Vida e Prevenção do Suicídio” que aconteceu nesta terça-feira (27)

Na manhã desta terça-feira (28) foi realizada na Universidade Estadual do Piauí (UESPI), através da Pró-Reitoria de Administração e Recursos Humanos (PRAD), da Pró-Reitoria de Extensão, Assuntos Estudantis e Comunitários (PREX) e do Serviço de Psicologia, a palestra “Valorização da Vida e Prevenção do Suicídio”, ministrada por Késia Mesquita, especialista em Prevenção e Posvenção do Suicídio.

A iniciativa faz parte do programa de qualificação e formação continuada promovido pela PRAD e que tem entrega de certificados pela PREX. A palestrante foi a segunda convidada para participar. A abertura do evento aconteceu às 10h, no Auditório do Núcleo de Educação a Distância (NEAD).

O objetivo da palestra foi levar aos servidores da UESPI, e para as direções de centro e campi, uma formação continuada por meio de temas relevantes, em especial os cuidados para com a saúde mental, proporcionando o bom desenvolvimento das atividades de cada colaborador e setor. Estiveram presentes o Vice-reitor, Pró-reitores, professores, técnicos e demais colaboradores.

O Vice-reitor, professor Dr. Jesus Abreu, pontua a nossa instituição como possuidora de uma equipe que se compõe como uma família. “Nossa cultura é familiar, então é importante promover essa reflexão e estarmos atentos a todos os sinais, além de relembrar a importância e o valor da vida. O Setembro Amarelo é importante para lembrarmos de tudo isso e promovermos atenção àqueles que estão em situação vulnerável. A campanha nos promove uma avaliação profunda sobre nós mesmos e nossa sociedade”.

A palestra ministrada por Késia Mesquita aborda assunto importantes como a rede de serviços oferecidos, além de mobilizar e sensibilizar a população, pois, segundo ela, a informação pode ser o diferencial entre a vida e a morte. O autocuidado dos profissionais e atenção à saúde mental foi o foco principal da ação.

Para a Pró-Reitora de Extensão, Assuntos Estudantis e Comunitários (PREX), professora Dr. Ivoneide Pereira de Alencar, é importante ressaltar que falar sobre a valorização da vida se faz fundamental no meio acadêmico, pois diálogos como esse promovem reflexões sobre o nosso maior bem, a vida.

“Nós, da administração, entendemos a necessidade de se falar sobre essa temática. O Serviço de Psicologia da UESPI nos ajudou na formação continuada com essa ação tão importante. Que nós possamos fazer com que outras pessoas também reflitam sobre essa temática e que saibamos auxiliar familiares, amigos e conhecidos. Quero agradecer a presença de todos que se fizeram presente nessa manhã. Esse momento é extremamente importante, então agradeço a disposição de todos”, finaliza.

Késia Mesquita alerta para que todos estejam atentos aos sinais, contidos ou extremos, das doenças e transtornos ocasionados pela falta de cuidados com a saúde mental. Além de reiterar a importância de procurar especialistas que, de fato, podem ajudar. Buscar ajuda é fundamental.

Serviço de Psicologia da UESPI

O Serviço, situado no Campus Poeta Torquato Neto (Teresina), é gratuito e disponibiliza um atendimento especializado para acolher estudantes, servidores, técnicos e docentes da universidade.
O aconselhamento psicológico on-line é um atendimento terapêutico de caráter emergencial feito através do WhatsApp para discentes da instituição, que tem como foco a solução de problemas imediatos gerados por dilemas e outras situações e problemas imediatos, bem como encaminhamentos necessários de acordo com a demanda e suporte inicial em situações de conflito.
O objetivo é promover reflexões sobre as alternativas disponíveis, facilitando o processo de escolha quanto às dúvidas que o angustiam, ao mesmo tempo em que promove a sua autonomia, autocontrole e segurança emocional. O serviço oferece um espaço de escuta e acolhimento dessas demandas, contribuindo, de forma significativa, para a saúde mental e qualidade de vida no contexto acadêmico.
Link do Formulário

Campus Parnaíba: PROFHISTÓRIA promove palestra sobre ética em pesquisas no dia 26

Por Vitor Manoel

O Mestrado Profissional em Ensino de História (PROFHISTÓRIA) da Universidade Estadual do Piauí (UESPI), promove uma palestra com o tema “A Resolução 510 e os aspectos éticos para as pesquisas nas ciências humanas e sociais”. O encontro acontece no dia 26 de agosto às 14h no campus Prof. Alexandre Alves de Oliveira, em Parnaíba.

A palestra acontece durante o evento de abertura do semestre 2022.2 do curso. A turma ingressante no PROFHISTÓRIA em abril deste ano, vai cursar em 2022.2 a disciplina Seminário de Pesquisa, momento em que cada discente elabora seu projeto de dissertação em Ensino de História.

Desse modo, a coordenação do curso considera importante a participação da professora e historiadora Alessandra Senna, mestra em História pela Universidade Salgado de Oliveira (UNIVERSO) e doutoranda em Bioética pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), que discute ética em pesquisa na área das Ciências Humanas.

O coordenador do programa, Felipe Ribeiro destaca que a fala da professora vai contribuir bastante para a preparação dos projetos da turma, além de ressaltar a importância da discussão sobre o tema. “Considero relevante esta discussão sobre ética em pesquisa voltada especificamente para as Ciências Sociais e Humanas, visto que muitos comitês de ética pelo país são majoritariamente compostos por profissionais das Ciência Médica e Veterinária. É fundamental que a área de Humanidades seja mais atuante nessa temática”, finaliza.

A atividade é voltada para ingressantes do programa.

ProfHistória

O ProfHistória é um programa de pós-graduação stricto sensu reconhecido pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) do Ministério da Educação (MEC), oferecimento em Rede Nacional. Liderado pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), o Programa tem como objetivo proporcionar formação continuada aos docentes de História da Educação Básica, com o objetivo de dar qualificação certificada para o exercício da profissão, contribuindo para a melhoria da qualidade do ensino.

 

PRAD E PREX promovem conversa sobre inteligência emocional no trabalho

Por Giovana Andrade

O evento “Conversa sobre Inteligência Emocional e Trabalho “ organizado pelas Pró-reitorias de Administração da Universidade Estadual do Piauí (PRAD) e Pró-Reitoria de Extensão, Assuntos Estudantis e Comunitários (PREX) , acontece no dia 26 (sexta-feira) de forma presencial no auditório do NEAD, campus Poeta Torquato Neto, às 9 horas e é parte integrante da Formação continuada dos servidores da administração superior da UESPI em parceria com o PROGRAMA DE DIREITOS HUMANOS, POLÍTICAS PÚBLICAS E PARTICIPAÇÃO SOCIAL: CONSTRUINDO DIÁLOGOS.

O objetivo da palestra é levar aos servidores da UESPI e para as direções de centro e campi uma formação continuada por meio de temas relevantes para o bom desenvolvimento das atividades laborais. A palestrante do evento será a especialista em psicopedagogia e professora adjunta da UESPI, Dra. Aline Martins.

A pró-reitora de Administração e Recursos Humanos (PRAD), prof. Dra. Fábia Buenos Aires, destaca que as palestras ocorrerão mensalmente.

“As palestras sempre terão temáticas especificas para elevar as habilidades e capacidades dos nossos servidores e colaboradores e serão ministradas por palestrantes profissionais e renomados na temática escolhida “.

A pró-reitora de Extensão, Assuntos Estudantis e Comunitários (PREX), prof. Pós Dra. Ivoneide Alencar, salienta que a parceira da PREX com a PRAD surgiu com intuito de fomentar conhecimentos acerca de temas relevantes aos servidores e colaboradores, ao tempo em que estes serão certificados e podem alimentar também seus currículos lattes.

“O projeto de Formação continuada dos servidores da administração superior da UESPI surgiu para contribuir na formação dos nossos servidores, sobretudo por conta da pandemia, visto que, as pessoas estão mais vulneráveis e sensíveis em seus ambientes laborais. Então, nós pensamos em ter esse momento junto com os servidores e colaboradores, sobremaneira da administração superior, que estão diretamente ligadas as ações de nossa universidade, trazendo reflexões acerca de temas como responsabilidade, humanização, questões emocionais e intelectuais, dentre outros. Iremos trazer temáticas diversas e atuais, uma vez por mês”.

O evento gerará certificação aos servidores e colaboradores ao final do semestre de 10h e é gratuito.

Campus da UESPI promovem palestra de conscientização do agosto lilás

Por Giovana Andrade

Os campus de São Raimundo Nonato e Campo Maior promovem palestras de conscientização agosto lilás com o tema “Violência contra a mulher”, através do programa de equidade de gênero, raça e diversidade que a Universidade Estadual do Piauí (UESPI) participa.

No campus de São Raimundo Nonato a palestra acontece no dia 24 de agosto às 9 horas, com a palestrante e psicóloga Ivana Amorim, o público alvo do evento é os docentes, técnicos e colaboradores da UESPI.

A diretora do campi, Janilde de Melo, evidencia que proporcionar visibilidade social a essa problemática poderá contribuir para o fim da continuidade e institucionalização do preconceito de gênero em todas as instâncias públicas e privadas da sociedade.

“Cabe salientar que é cada vez mais necessárias discussões sobre a importância de uma ação dirigida à educação, que objetivem dar visibilidade e garantia de espaço ao debate e às ações dirigidas ao enfrentamento da violência contra a mulher em nosso estado e no mundo, além da sensibilização da opinião pública com relação à defesa dos direitos humanos das mulheres”.

Em Campo Maior a palestra acontece no dia 19 de agosto às 9horas, com a palestrante e vice-presidente OAB/subseção Campo Maior Micaelle Craveiro. O evento será no auditório para todos os docentes, técnicos e colaboradores da UESPI.

Confira a seguir a fala diretora do campi, Maria da Cruz Pessoa.

No campus Poeta Torquato Neto, a palestra acontece no dia 30 de agosto, para mais informações confira a matéria.

PROFHISTÓRIA promove palestra “Prática de Ensino de História a Partir de um Quadrinho-jogo”

Por Anny Santos

A Universidade Estadual do Piauí (UESPI), através do curso de graduação em História de Parnaíba e o Mestrado Profissional no Ensino de História (PROFHISTÓRIA), promove a palestra Prática de Ensino de História a Partir de um Quadrinho-jogo. A palestra acontece nessa sexta (18), às 18h30, de forma online e gratuita, transmitida via YouTube no canal do Núcleo de Pesquisa Cidade, Memória e Patrimônio (NUPECIMP).

A palestra será ministrada pelo produtor do quadrinho-jogo Grifos, professor Mateus Buffone, com o intuito de abordar o uso de materiais paradidáticos, como o próprio material produzido por ele, no ensino de História Antiga. A palestra tem como função principal a formação pedagógica, portanto o público alvo são professores e estudantes de licenciatura, especialmente da área de história e humanidades. Porém, como o jogo é de caráter lúdico, a palestra pode ser interessante para qualquer pessoa da comunidade acadêmica.

A iniciativa surgiu de uma constante demanda dos alunos do curso de graduação em História, que é uma licenciatura, bem como dos mestrandos-professores do PROFHISTÓRIA, que desejavam utilizar materiais e técnicas didáticas novas e desafiadoras. O emprego de novas metodologias no ensino de história poderá contribuir para que novas estratégias pedagógicas sejam praticadas pelos futuros professores, contribuindo também com sua formação profissional.

“Como conhecíamos a excelente qualidade dos projetos da Fundação Cultural de Curitiba, que financia e disponibiliza materiais gratuitos por meio de seus editais de fomento, encontramos o projeto Grifos de autoria do professor Matheus Buffone, que se propunha a produzir um quadrinho-jogo para o ensino de História Antiga. Entramos em contato e ele se disponibilizou a contribuir com nossa instituição com uma palestra. Com isso fizemos uma parceria com ele e a Fundação Cultural de Curitiba para distribuir gratuitamente o quadrinho-jogo Grifos. Serão sorteadas 20 edições do material para aquelas pessoas que estarão participando da palestra”, pontua o professor de História da UESPI, Fernando Botton.

O professor Fernando Botton também destaca a importância da palestra para que ideias didáticas e inovadoras sejam inspiradas pelos atuais e futuros professores. “Também valerá a pena pela divulgação desse projeto incrível realizado pelo professor Matheus. Contribuindo tanto para a comunidade acadêmica enquanto formação, quanto para a comunidade escolar enquanto a possibilidade de emprego de novos materiais didáticos instigantes, pedagógicos e, principalmente, divertidos”, finaliza.

Acompanhe a palestra no canal.