CONDIR – Uespi

CONSELHO DIRETOR

A Fundação Universidade Estadual do Piauí – FUESPI é dirigida por um Conselho Diretor, cuja presidência será assumida pelo Reitor(a), Presidente da Fundação, e constituído por mais 06 (seis) membros e seus respectivos suplentes escolhidos dentre pessoas de reputação ilibada e notória competência, sendo:

    • 02 (dois) membros natos na figura dos Pró-Reitores de Administração e Recursos Humanos e de Planejamento e Finanças;
    • 01 (um) representante indicado pela Secretaria Estadual de Fazenda, preferen-cialmente o Secretário Estadual da Pasta;
    • 01 (um) representante indicado pela Secretaria Estadual de Educação e Cultura, preferencialmente o Secretário Estadual da Pasta;
    • 01 (um) representante da Sociedade Civil Organizada da área de Educação, Ciência e Tecnologia;
    • 01 (um) representante do Estado da área de Educação, Ciência e Tecnologia;

§ 1º – Os membros e respectivos suplentes serão nomeados pelo Governador do Estado, para um mandato de 02 (dois) anos, sendo-lhe permitida uma única recondução, exceto os constantes nas alíneas a, b e c.

§ 2º – Nas ausências e impedimentos do Reitor(a), a presidência da Fundação será exercida pelo Vice-Reitor(a).

§ 3º – Os representantes das Instituições mencionadas nas alíneas d e e terão seu perfil definidos na forma do Regimento Geral.

Art. 10 – O Conselho Diretor da Fundação reunir-se-á, ordinariamente, a cada trimestre e, extraordinariamente, em casos especiais, com a presença da maioria absoluta de seus membros e deliberará por maioria simples.

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit. Ut elit tellus, luctus nec ullamcorper mattis, pulvinar dapibus leo.
Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit. Ut elit tellus, luctus nec ullamcorper mattis, pulvinar dapibus leo.

COMPETÊNCIAS

Competências do Conselho Diretor

    • deliberar, por maioria absoluta de seus membros, sobre alienação de bens móveis e imóveis da Fundação;
    • aprovar convênios, contratos, acordos culturais, pedidos de financiamentos, empréstimos, acordos que importem em compromisso financeiro para a Instituição;
    • alterar o Estatuto da Universidade, bem como o Regimento Geral, após deliberação do Conselho Universitário, ouvido o Conselho de Administração e Planejamento;
    • aprovar o plano anual das atividades bem como o relatório do ano anterior;
    • aprovar o plano de cargos e carreira dos docentes da Universidade por proposta do Conselho de Administração e Planejamento e homologado pelo Conselho Universitário;
    • aprovar a proposta de orçamento anual da Universidade e a realização de despesas suplementares;
    • prestar contas das atividades financeiras e administrativas à comunidade e órgãos competentes de acordo com a legislação vigente;
    • exercer a fiscalização econômico-financeira e de auditoria da Universidade;
    • aprovar os planos de expansão e desenvolvimento, bem como a criação, modificação e extinção de órgãos na Universidade;
    • aprovar reforma do Estatuto da Fundação e de seu Regimento;

Competências do Presidente Conselho Diretor

    • delegar competência;
    • representar a Fundação;
    • convocar e presidir as reuniões do Conselho Diretor com direito a voto, inclusive o de qualidade;
    • praticar atos ad referendum do Conselho Diretor;
    • encaminhar as prestações de contas do ano anterior, após aprovação pelo Conselho Diretor, à autoridade competente;
    • exercer o poder disciplinar;
    • apresentar ao Conselho Diretor, periodicamente, relatório das ações administrativas e financeiras da Instituição;
    • cumprir e fazer cumprir as disposições legais, estatutárias e regimentais bem como as resoluções do Conselho Diretor;
    • coordenar, superintender e administrar as atividades acadêmicas, administrativas e financeiras da Fundação.