Uespi

Brasão_da_UESPI.512x512-SEMFUNDO

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO PIAUÍ

Brasao_Pi_h

Reitores

Dr. Valmir Miranda 

É Jornalista e Arquiteto, e possui pós-graduação em Desenvolvimento Urbano e Regional pela Universidade Federal de Pernambuco (UFPE).  Atuou como professor na Universidade Federal do Piauí (UFPI), onde coordenou o Programa de Capacitação de Docentes que mais adiante resultou na criação da Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação da instituição, da qual foi o primeiro Pró-Reitor. Anos mais tarde, também atuou como Pró-reitor de Extensão na UFPI. Em 1985, a convite do então governador Hugo Napoleão, Valmir Miranda implantou as bases da Universidade Estadual do Piauí (UESPI), criada a partir do antigo Centro de Ensino Superior do Piauí da Fundação de Apoio ao Desenvolvimento da Educação do Estado do Piauí (FADEP). Foi o primeiro Reitor pro tempore da instituição. Além de criar os mecanismos de funcionamento da instituição de ensino superior do Piauí, também coordenou as ações para implantação da televisão e rádio educativas do Estado. Está à frente da direção da empresa O DIA, o qual compõem o Portal O DIA, O DIA TV – televisão aberta afiliada da Redetv, e ainda do DataODia – instituto de pesquisas.

Profª.  Maria  Adamir  Leal  de  Sousa

É pós-graduada em metodologia da História pela Pontifícia Universidade Católica (PUC – MG) de Belo Horizonte-MG, licenciada em História e bacharel em Direito pela Universidade Federal do Piauí (UFPI).

Exerceu os cargos de Diretora da escola da Campanha Nacional de Escolas da Comunidade (CNEC) em Inhuma, chefe do Departamento do Segundo Grau, chefe de Gabinete da Secretaria de Educação do Estado do Piauí (SEDUC/PI), Reitora pro tempore (1986-1987)  e Pró-Reitora da Universidade Estadual do Piauí (UESPI), Secretária de Educação em Inhuma, Presidente da União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação (UNDIME) e da CNEC no Piauí. Membro da Academia de Letras da Confederação Valenciana (ALCV). Membro da Escola de Gestão da APPM (Associação Piauiense de Municípios). É professora aposentada da Universidade Federal do Piauí, e auditora fiscal aposentada da Secretaria Estadual de Finanças do Piauí (SEFAZ).

Padre Getúlio de Alencar

Natural de Gilbués-PI. É licenciado em Teologia pela Pontifícia Universidade de São Paulo (PUC-SP), pós-graduado em Administração de Ensino Superior pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Foi professor de Teologia pela Arquidiocese de Brasília. Atuou no Conselho Editorial da Revista Educação Brasileira vinculada ao Conselho de Reitores das Universidades Brasileiras (1975 – 1977). Atuou como coordenador do programa de alfabetização Monhangara (Projeto de Ensino Básico para as Regiões Norte e Centro-Oeste), foi coordenador da área de Humanas no Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), e coordenador Primeiro Grau do Ministério da Educação (1985-1988). Foi Reitor pro tempore  da Universidade Estadual do Piauí de 1988-1990. Foi prefeito de Santo Antônio do Descoberto (GO), período em que reestruturou às áreas de educação e assistência social, entre de 1996-2000.  Em sua vida sacerdotal, foi co-fundador e primeiro pároco da Paróquia de Maria de Nazaré, e foi pároco na Paróquia do Santíssimo Sacramento, em Santo Antônio do Descoberto (GO).

Prof. Iveline de Melo Prado

Atuou como Diretora do Departamento de 2º grau da Secretaria do Estado de Educação. Foi Reitora pro tempore da Universidade Estadual do Piauí, entre os anos de 1990 à 1991. Atuou na presidência do Conselho Estadual de Educação do Piauí. Atualmente é  membro da Academia Piauiense de Ciências.

Dr. Almir Bittencourt da Silva

É graduado em Economia pela Universidade Federal do Ceará (1974),  pós-graduado em Economia pela Escola Brasileira de Economia e Finanças (EPGE/FGV – RJ /1975-1976), pós-graduado em Planejamento Econômico pelo ILPES-Comissão Econômica para a América Latina (CEPAL/1987), Especialização em Controle de Empresas Públicas pelo Instituto de Investigación de la Amazonía Peruana (IIAP-1989).  Reitor pro tempore da Universidade Estadual do Piauí (UESPI, entre 1990 e 1994. É Mestre e Doutor em Economia pela Universidade Federal do Ceará (2004). Coordenador de Planejamento e Gestão Estratégica da UFC (2007-2011), Pesquisador Institucional da UFC (2007-2011), Secretário Adjunto de Ciência, Tecnologia e Educação Superior do Estado do Ceará (2011-2014), Coordenou a elaboração do Diagnóstico de Ciência, Tecnologia e Inovação (CT&I) no Plano Fortaleza 2040. Foi Pró-Reitor de Planejamento e Administração da UFC. É Professor Titular no Departamento de Economia Aplicada da UFC.

Jônathas de Barros Nunes

Possui graduação em Oficial de Artilharia pela Academia Militar das Agulhas Negras (AMAN-1956), Bacharelado em Direito pela Universidade do Brasil, atual UFRJ (1963) e Bacharelado em Física pela Universidade de Brasília (1968).  É Especialista em Material Bélico, Armamento Leve, Armamento Pesado, Munição, Instrumentos Óticos e de Precisão pela Escola de Instrução Especializada do Exército-EsIE (1959), e em  Guerra Química, Biológica e Nuclear pela Escola de  Instrução Especializada do Exército-EsIE (1960). É Mestre em Física Teórica pela UnB (1969). Possui pós-doutorado em Física Relativística pela University of London King´s College, Inglaterra(1973). Foi professor da Escola de Material Bélico do Exército no Estado do Rio de Janeiro (de 1961-1964). Foi professor Assistente da Universidade de Brasília (1968/69), e ; Professor Adjunto da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ), onde exerceu a função de Pró-Reitor de Pesquisa e Pós-graduação (1975/1976);  Professor Associado da (PUC/RJ/1977/78); Professor Titular da Universidade Federal do Piauí (UFPI), desde 1979, pela qual é aposentado. Atuou como Deputado Federal pelo Piauí(1983/1987), e foi investido como membro titular e vice-presidente da comissão de Educação da Câmara dos Deputados(1983/1984); membro titular da Comissão de Relações Exteriores da Câmara dos Deputados(1985/1986). Foi Reitor pro-tempore da Universidade Estadual do Piauí entre os anos de 1995 e 2001. Em 1998, ocupou o cargo de Secretário de Estado da Educação do Piauí. Foi Secretário de Estado de Ciência e Tecnologia do Piauí no Governo Wellington Dias (2003/2004). Possui vários artigos e discursos publicados em revistas/diários de circulação nacional e internacional. É autor e executor de vários projetos em educação, ciência e tecnologia, dentre eles: Projeto Nacional de Inserção do Piauí na Sociedade Tecnológica; Bibliotecas Virtuais Educativas; Oficina Ciência com Letras;Feiras de Ciência e Tecnologia; Interiorização da Educação Superior no Piauí; Manhãs Tecnológicas das Cadeias produtivas do Piauí. É Coronel da Reserva do Exército. Titular Vitalício da Academia Piauiense de Letras. Titular Vitalício da Academia de Ciências do Piauí.

Maria do perpétuo Socorro Rocha Cavalcanti Barros

Possui graduação em bacharelado em Química e em Química Industrial pela Universidade Federal do Ceará. Possui pós-graduação em Metodologia do Ensino Superior pela Universidade Federal do Piauí, Química de Produtos Naturais pela Universidade Federal do Ceará, Educação pela Universidade de Brasília e Química Orgânica pela Universidade de Brasília. Foi Reitora pro tempore da Universidade Estadual do Piauí (2001-2002). Atuou como membro do Conselho Estadual de Educação (2002-2005), e entre os anos de 2004-2006 presidiu o Conselho. É professora aposentada pela Universidade Federal do Piauí.

Maria Oneide Fialho Rocha

Possui Licenciatura em Estudos Sociais, Licenciatura Plena em Pedagogia, Especialização em Ensino pela Universidade Federal do Piauí. É mestre em Serviço Social pela Universidade Federal do Pernambuco. Exerceu a função de Reitora pro-tempore da Universidade Estadual do Piauí. Foi coordenadora e assistente educacional no Movimento de Educação de Base (MEB) na Diocese de Picos atuando junto aos movimentos sociais e às Comunidades Eclesiais de Base (CEBs) numa prática político-pedagógica de Educação Popular. Atualmente é Professora Auxiliar IV da Universidade Federal do Piauí – Campus Senador Helvídio Nunes de Barros, em Picos-PI.

Valéria Madeira Martins Ribeiro

Possui graduação em Licenciatura Plena em Pedagogia pela Universidade Federal do Piauí (1988), especialização em Educação pela Universidade Federal do Piauí (1990) e mestrado em Ciências da Educação pela Universidade Estadual do Piauí (2000). Atuou como Supervisora Escolar na Secretaria Municipal de Educação e Cultura (Semec) entre os anos de 1994 e 2002 e ocupou o cargo de Secretária de Educação Executiva, no mesmo órgão, entre 2001 e 2002. É professora na Universidade Estadual do Piauí desde 1993, onde assumiu a reitoria de 2004 à 2005 como Reitora pro tempore. Com a reformulação, aprovação e implantação do estatuto da UESPI em 2005, Valéria Madeira foi a primeira reitora eleita pela comunidade universitária tendo o seu mandato compreendido os anos de 2006 e 2009.  Enquanto Reitora atuou na Associação Brasileira dos Reitores das Universidades Estaduais e Municipais (ABRUEM), como Conselheira Fiscal, entre os anos de 2008-2010. Desde 2019 é representante da UESPI no Fórum Municipal de Educação de Teresina.

Carlos Alberto Pereira da Silva

Possui graduação em Licenciatura Plena em Física pela Universidade Federal do Piauí (1988) e mestrado em Física pela Universidade Federal do Ceará (1994). Foi Professor Titular na Secretaria de Educação do Estado do Piauí (SEED-PI) entre os anos de 1988 e 1994. Atuou como Professor Titular no Instituto Dom Barreto(2001) e como Professor Substituto na Universidade Federal do Piauí (2001-2002). É professor da Universidade Estadual do Piauí, desde 1994, onde exerceu o cargo de Vice-Reitor no mandato da Reitora Valéria Madeira Martins Ribeiro, sendo integrante da chapa da primeira eleição para a Reitoria da UESPI. Foi o segundo Reitor eleito pela comunidade acadêmica, entre o período compreendido de 2010 à 2014. Recebeu, em 2003, Menção Honrosa pela elaboração e aplicação da Olimpíada Brasileira de Física  (2002-2003), da Sociedade Brasileira de Física; e em 2008, o prêmio Mérito pelo Incentivo ao Desenvolvimento da Ciência, Tecnologia e Inovação no Estado do Piauí, da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Piauí (FAPEPI). Assumiu a Superintendência de Educação Básica da Secretaria de Estado da Educação (SEDUC-PI), e compôs o Conselho Estadual de Educação do Piauí (CEE/PI) para o biênio 2020-2022.

Nouga Cardoso Batista

Possui graduação em Licenciatura Plena em Ciências pela Universidade Federal do Piauí (1992), mestrado em Química (Química Analítica) pela Universidade de São Paulo (1995) e doutorado em Química (Físico-Química) pela Universidade de São Paulo (1999). Atuou, entre 2000 e 2001, como professor substituto no Centro Federal de Educação Tecnológica do Piauí (CEFET-PI) e como professor efetivo, entre 2002 e 2004 na Secretaria do Estado do Maranhão,  onde foi consultor ad doc da Educação Básica. É professor da  Universidade Estadual do Piauí desde 2005.  É fundador e Primeiro Presidente do Sindicato dos Químicos do Piauí (Sinproquim -PI);  Fundador e Primeiro Vice-Presidente do Conselho Regional de Química, XVIII Região, PI. Atuou como Membro da Direção Regional Nordeste I do Andes (Sindicato Nacional dos Professores de Ensino Superior) e como Presidente do Sindicato dos Docentes da Universidade Estadual do Piauí (ADCESP). Foi eleito Vice-Reitor da UESPI, no mandato de Carlos Alberto Pereira da Silva (2011-2013). Eleito, democraticamente, Reitor da UESPI por dois mandatos consecutivos sendo eles 2014-2017 e 2018-2020. É Membro Titular da Academia de Ciências do Piauí desde 2017, onde ocupa a Vice-Presidência.  Assumiu o cargo de Secretário de Educação do Município de Teresina em 2021 para o quadriênio 2021-2024.

Evandro Alberto de Sousa

É graduado em Comunicação Social (habilitação em Jornalismo) pela Universidade Estadual da Paraíba.  É mestre  e doutor em Serviço Social pela Universidade Federal de Pernambuco (UFPE). Foi professor substituto da Universidade Estadual do Piauí, no Campus Professor Barros de Araujo, Picos-PI, entre 2002 e 2007, onde foi coordenador do curso de Comunicação Social. Atuou como professor no Instituto de Educação Superior Raimundo Sá, nos anos compreendidos entre 2006-2014. Também atuou como Secretário Municipal de Comunicação em Monsenhor Hipólito (2004-2012) e  Assessor Municipal de Comunicação, em Campo Largo do Piauí (2005-2014). Em 2014 retornou à UESPI como professor efetivo, e foi eleito Diretor do Campus Professor Barros de Araújo. Em 2013 recebeu, em primeiro lugar, o prêmio Categoria Pós-graduação do prêmio estudantil da XVI Conferência Brasileira de Folkcomunicação, da Rede Folkcom; e em 2014 recebeu Menção honrosa amigo da UESPI, pelo Diretório Central do Estudantes. Em 2018 foi eleito Vice-Reitor, no segundo mandato exercido por Nouga Cardoso Batista(2018-2020), assumiu a Reitoria da UESPI em 2020. Foi eleito, democraticamente, reitor da UESPI para o quadriênio 2022-2025.