Uespi

Brasão_da_UESPI.512x512-SEMFUNDO

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO PIAUÍ

Brasao_Pi_h

Campo Maior: servidores e colaboradores participam da palestra sobre violência contra a mulher

Por Giovana Andrade

Servidoras e servidores participaram do debate e da conscientização

Os servidores e servidoras do campus de Campo Maior da Universidade Estadual do Piauí (UESPI) participaram de uma palestra sobre Violência Contra a Mulher. O encontro aconteceu no dia 19 de agosto, no auditório do campus. .

A palestra é uma iniciativa do Programa Estadual Pró-Equidade de Gênero, Raça e Diversidade, coordenado pela Coordenadoria Estadual de Políticas para Mulheres (CEPM), cujo a UESPI esta inserida.  A diretora do campus, Prof. Maria Pessoa, destaca que o evento foi muito importante.

“Esse foi um momento muito significativo, pois a nossa contemporaneidade exige que tenhamos um olhar para esse importante tema. Ao decorrer dos meses que sucedem iremos trazer novas temáticas através do programa”.

Janaira Rayane, servidora da instituição, expressa muita satisfação em ter participado do momento. “A palestra foi um momento muito importante, contribuiu para esclarecer diversas dúvidas, como também com informações importantes sobre a temática que não eram de conhecimento da maioria. O momento foi bastante enriquecedor”.

O evento faz parte do Agosto lilás de combate a violência contra a mulher

A palestrante é vice-presidente OAB/subseção Campo Maior. Dra. Micaelle Craveiro

Programa Pró-Equidade de Gênero, Raça e Diversidade

Este é um programa estadual que tem como objetivo difundir novas concepções na gestão organizacional, combatendo quaisquer discriminações e desigualdades de gênero, raça e diversidade, praticadas no ambiente de trabalho, buscando promover a equidade de gênero, raça e diversidade no que diz respeito às relações formais de trabalho e à ocupação de cargos de direção.

A UESPI tem a missão de estabelecer mecanismos que cumpram os objetivos acima citados dentro da instituição, com ações voltadas para seus servidores e servidoras no que tange a orientações sobre assuntos como questões de gênero e orientação sexual; assédio moral e sexual; discriminação racial; pessoa com deficiência, entre outros.

A próxima ação do projeto é em São Raimundo Nonato. Na quarta-feira (24), colaboradores e servidores acompanham uma palestra também sobre Violência contra a Mulher, com a psicóloga Ivana Amorim. O encontro acontece às 9 horas, via Google Meet.

Confira mais informações. 

Campus da UESPI promovem palestra de conscientização do agosto lilás

Por Giovana Andrade

Os campus de São Raimundo Nonato e Campo Maior promovem palestras de conscientização agosto lilás com o tema “Violência contra a mulher”, através do programa de equidade de gênero, raça e diversidade que a Universidade Estadual do Piauí (UESPI) participa.

No campus de São Raimundo Nonato a palestra acontece no dia 24 de agosto às 9 horas, com a palestrante e psicóloga Ivana Amorim, o público alvo do evento é os docentes, técnicos e colaboradores da UESPI.

A diretora do campi, Janilde de Melo, evidencia que proporcionar visibilidade social a essa problemática poderá contribuir para o fim da continuidade e institucionalização do preconceito de gênero em todas as instâncias públicas e privadas da sociedade.

“Cabe salientar que é cada vez mais necessárias discussões sobre a importância de uma ação dirigida à educação, que objetivem dar visibilidade e garantia de espaço ao debate e às ações dirigidas ao enfrentamento da violência contra a mulher em nosso estado e no mundo, além da sensibilização da opinião pública com relação à defesa dos direitos humanos das mulheres”.

Em Campo Maior a palestra acontece no dia 19 de agosto às 9horas, com a palestrante e vice-presidente OAB/subseção Campo Maior Micaelle Craveiro. O evento será no auditório para todos os docentes, técnicos e colaboradores da UESPI.

Confira a seguir a fala diretora do campi, Maria da Cruz Pessoa.

No campus Poeta Torquato Neto, a palestra acontece no dia 30 de agosto, para mais informações confira a matéria.

NELIPI realiza o I Salão de Letras da Mulher (SALEM)

A Avant Garde Edições e Produções, em parceria com o Núcleo de Estudos Literários Piauienses da Universidade Estadual do Piauí (NELIPI /UESPI), realiza o I Salão de Letras da Mulher (SALEM) com temática I Colóquio de literatura e decolonidades: discursos interseccionais, entre os dias 24 e 27 de maio, no Complexo Cultural Clube dos Diários, Theatro 4 de Setembro.

Segundo a Profa. Algemira Mendes, Coordenadora do NELIPI e uma das organizadoras do evento, as atividades congregam e priorizam as produções femininas, promovendo visibilidade as obras. “Nos preocupamos em trabalhar, difundir e divulgar as pesquisas na Literatura e Gênero. Esse espaço promove incentivo e esse também é um dos papeis da Universidade”, destaca.

Com palestras, oficinas e mesas-redondas, o evento propõe promover discussões sobre o tema da luta de mulheres e escritoras que desempenharam um importante papel para uma conscientização das restrições impostas à mulher em todos os aspectos sociais. Pretende-se dar visibilidade às escritoras, artistas, com atuação em diversas áreas, e investigadoras de literatura e gênero. O I SALEM também promove uma homenagem ao bicentenário da primeira escritora negra brasileira, a maranhense Maria Firmina dos Reis, com a temática “Vozes da Diáspora e Decolonialidade na Escrita de Maria Firmina dos Reis”.

Marleide Lins, escritora, editora e também organizadora do evento, pontua ainda que a ideia de produzir o SALEM surgiu da necessidade de reunir a produção literária e acadêmica e outras linguagens de artes assinadas por mulheres, em um encontro abrangente, com objetivo de dar visibilidade a essa vasta produção. “A mulher além de investigar, produzir conhecimentos e artes precisa de mais espaço para fruição, difusão e valorização da sua obra”.

No I SALEM serão homenageadas três mulheres representativas nas letras e nas artes, a escritora Cristiane Sobral (BSB), a Me. coreógrafa e bailarina Luzia Amélia (PI) e a Profa. Dra. Maria Sueli Rodrigues (PI). O evento contará com a participação, dentre inúmeras outras personalidades, da pesquisadora e contadora de história, Carlinha Senna, que ministrará uma oficina de contação de história e Luiza Cantanhêde e Sérgia Alves, que realizaram os lançamentos de livros no “Conversas entre elas”.

O I SALEM conta com apoios essenciais para a sua realização: Eventos e treinamentos; ASSAACPIAUÍ; Fundação Quixote; Alencar Assessoria de Educação e Cultura; Mestrado em Letras UESPI/PREX; CCOM-PI e o Governo do Estado do Piauí.

Link de inscrição para mesas e conferências, participações com trabalhos ou sem trabalhos (ouvinte).