liga – Uespi

Ligas da UESPI e da UFPI realizam a Semana do Bordô

Por Arnaldo Alves

A Liga Acadêmica de Estudos Neurológicos e Neurocirúrgicos da Universidade Estadual do Piauí (LAENN-UESPI) em conjunto com a Liga Acadêmica de Estudos em Neurologia e Neurociência da Universidade Federal do Piauí (LAENN-UFPI) realiza a Semana do Bordô, entre os dias 23 à 28 de maio, de forma online.

O evento que tem como objetivo conscientizar e orientar a respeito das dores na região da cabeça. A Semana conta com aulas ministradas por grandes nomes da cefaliatria no Brasil de maneira gratuita e com o certificação para os participantes.

O projeto é coordenado pelo neurologista e membro associado da Sociedade Brasileira de Cefaleias (SBCe), Dr. Raimundo Feitosa Neto.

A iniciativa faz parte da campanha de conscientização e combate às cefaleias criada pela Sociedade Brasileira de Cefaleias (SBCe) e desenvolvida todos os anos em todo o Brasil, resgatando também a importância do Dia Nacional de Combate à Cefaleia (19/05).

 

De acordo com o representante acadêmico do evento e estudante de Medicina da UESPI, Anderson Gustavo Santos, a importância se deve principalmente ao fato da Cefaleia ser um dos sintomas mais característicos dos processos patológicos.

“A expectativa sobre a realização do evento é muito boa, estaremos recebendo grandes nomes da neurologia nacional que irão poder compartilhar uma série de informações sobre o manejo dos vários tipos de cefaleia. Além do mais, por ser um evento gratuito, esperando conseguir um bom público acadêmico”, explica.

Inscrições

As inscrições estão abertas. Os interessados devem preencher o formulário de inscrição no evento de forma gratuita.

Para mais informações acesse as redes sociais das ligas acadêmicas: @laennuespi e laennufpi e confira.

LAPEN realiza Live sobre Crimes Virtuais no dia 09 de julho

Por Liane Cardoso

A Liga Acadêmica de Direito Penal – LAPEN -, do curso de Direito da Universidade Estadual do Piauí, realizará no dia 09 de julho, a partir das 17h, uma Live sobre Crimes Virtuais na página do Instagram @lapenuespi.

Na transmissão estará presente o professor Neto Cunha, doutor em Engenharia Biomédica e mestre em segurança de redes, CEO da empresa The Forense, responsável por auxiliar os cidadãos com segurança digital. “A live contará com a apresentação do professor sobre a sua vivência trabalhando com crimes virtuais e as particularidades deste ramo do direito”, destacou Giovanna Luiza, integrante da LAPEN.

Segunda a professora Sheila Andrade, orientadora do grupo, no Brasil são poucas as leis que protegem a segurança do usuário brasileiro. As mais conhecidas são a Lei Carolina Dieckmann, o Marco Civil da Internet e a Lei Geral de Proteção de dados. O foco mais recente tem sido as “fake news”, mas a carência de uma definição precisa e de uma punição prevista dificultam o avanço do combate.

“Em tempos de uso contínuo de plataformas digitais, tais como as redes sociais, aplicativos, agendas virtuais, a acessibilidade tornou-se uma facilitadora das atividades cotidianas. Todavia, ao mesmo tempo, também podem trazer consequências danosas aos seus usuários, pois fica cada vez mais claro o impacto que as ferramentas digitais têm no mundo real. Usar essa ferramenta de maneira inadequada também acarreta no cometimento de crimes virtuais”, explicou a docente.

Acesse o Instagram da Liga e saiba mais sobre esse tema e também sobre outros assuntos sociais relevantes.