UESPI

Brasao_da_UESPI.512x512-SEMFUNDO

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO PIAUÍ

Governo-do-Piauí-2023_300X129

UESPI realiza Aula Magna do Mestrado Nacional Profissional em Ensino de Física

Por Clara Monte 

A Universidade Estadual do Piauí (UESPI) de Piripiri realizará, nesta sexta-feira (15), a Aula Magna do Mestrado Nacional Profissional em Ensino de Física – MNPEF Polo 66. O evento acontece de forma presencial, das 08:00 às 10:00h, no campus Prof. Antônio Giovanne Alves de Sousa.

O Programa Nacional de Mestrado Profissional em Ensino de Física (MNPEF) é um programa nacional de pós-graduação voltado para professores de Ensino Médio e Fundamental, com ênfase principal na área de Física. É uma iniciativa da Sociedade Brasileira de Física (SBF) com o objetivo de coordenar diferentes capacidades apresentadas por diversas Instituições de Ensino Superior (IES) distribuídas em todas as regiões do País. A ação marca a inicio do período 2024.1, sendo a segunda turma do programa.

Segundo o coordenador do Polo 66 MNPEF-UESPI, Prof. Dr. Agmael Mendonça Silva, a segunda turma do Mestrado em Ensino de Física conta com um grupo diversificado de 15 estudantes provenientes de várias regiões circunvizinhas, incluindo os estados do Ceará e Maranhão. Ainda de acordo com o coordenador, esta turma que foi selecionada entre 61 inscrições e promete trazer uma gama de perspectivas e experiências para enriquecer o ambiente acadêmico.

“Nesta aula Magna,  teremos a presença do corpo discente do mestrado, representantes da gestão superior da UESPI, professores do Programa e convidados. Teremos uma fala de recepção dos novos alunos com o Prof. Dr. Cláudio Rejane da Silva Dantas (URCA-CE), supervisor do Polo 66, e da Profa. Dra. Janete Batista Brito (UESPI). Os discentes do MNPEF, que são professores da Educação Básica, incorporam em suas práticas de ensino ferramentas pautadas nas mitologias de ensino, que por sua vez, resultam em melhor rendimento de aprendizagem dos estudantes e maior disseminação do conhecimento científico na região”.

 

PROEF: homologação da inscrição no Programa de Mestrado em Educação Física

O Coordenador do Programa de Mestrado Profissional em Educação Física em Rede – PROEF torna público a homologação da inscrição referentes ao EDITAL PARA
CREDENCIAMENTO DE DOCENTE NO PROGRAMA DE MESTRADO
PROFISSIONAL EM EDUCAÇÃO FÍSICA – ProEF/UESPI.

Edital 2024 Resultado de Homologação de inscriçao Credenciamento docente ProEF UESPI 2024

CRI: processo seletivo para programa de Bolsas de Mestrado na Coréia do Sul

Por Vitor Gaspar

A Universidade Estadual do Piauí (UESPI), através da Coordenação de Relações Internacionais (CRI), divulga o PROCESSO SELETIVO para programa de bolsas de estudo para curso de Mestrado em Planejamento e Gestão Urbana oferecido a servidores públicos estrangeiros na Coréia do Sul.

O programa oferecido pelo Governo Metropolitano de Seul e a Universidade de Seul cobre passagens aéreas do Brasil à Coreia do Sul (ida e volta), custos acadêmicos, acomodação em dormitório durante os dois anos e auxílio mensal de cerca de USD 760. Podem se inscrever servidores públicos com ao menos 3 anos de ofício e até 40 anos de idade, e que possuam bacharelado ou equivalente e comprovada proficiência em língua inglesa.

As inscrições devem ser feitas até 14/03 pelo portal virtual da universidade coreana. Os selecionados na fase documental serão entrevistados, via Zoom, no início de abril e os resultados finais serão anunciados em 18/04, com chegada à Coreia prevista para 07/08.

As bolsas de estudo, ofertadas pelo Programa Internacional de Desenvolvimento Urbano da Escola Internacional de Ciências Urbanas da Universidade de Seul, visam à capacitação de servidores públicos em gestão urbana e ao aprofundamento de laços entre Seul e outros municípios. O curso é inteiramente em inglês e dura de agosto de 2024 a agosto de 2026, incluindo disciplinas obrigatórias e eletivas, estágio na área e defesa de dissertação.

Registro da Seoul National University, considerada a melhor universidade da Coreia do Sul

De acordo com o Coordenador de Relações Internacionais, Prof. Dr. Orlando Berti, a proposta é proporcionar aos membros da UESPI, tanto aos técnicos quanto aos professores, a oportunidade de vivenciar o que há de mais moderno, interessante e inovador. Segundo ele, isso vai permitir que eles absorvam novos aprendizados e, consequentemente, possam aplicar esses conhecimentos em suas atividades ao retornarem ao Brasil.

“É importante ressaltar que a Coreia do Sul, sendo um país bilíngue com o coreano como língua materna, exige também o domínio do inglês, principalmente em ambientes acadêmicos. Portanto, é fundamental que os candidatos possuam proficiência na língua inglesa. Essa recomendação não se limita apenas aos participantes deste programa de intercâmbio, mas estende-se a todos os interessados em oportunidades similares. Manter-se atualizado em cursos de línguas, especialmente o inglês, é crucial, pois é uma competência frequentemente exigida para esse tipo de oportunidade. Mesmo para aqueles que não pretendem participar deste programa específico, é válido se preparar anualmente em inglês e espanhol, pois são línguas que abrem portas para diversas oportunidades como esta que estamos oferecendo”.

Fundada em 1918, a Universidade de Seul é instituição pública municipal com destaque na área de ciências urbanas, incluindo planejamento e gestão urbana, engenharia de transportes e arquitetura. A instituição atua como think-tank do Governo Metropolitano de Seul, cidade mundialmente reconhecida por inovações em gestão urbana e sede do WeGO, organismo internacional não governamental dedicado à transformação dos espaços urbanos em cidades inteligentes e sustentáveis, do qual os municípios de São Paulo e Porto Alegre são parte.

Resultado final do PROEF – Mestrado Profissional em Educação Física em Rede Nacional

A Universidade Estadual do Piauí – UESPI por meio da Pro reitoria de pesquisa e pós-graduação PROP e a Coordenadação do Programa de Mestrado Profissional em Educação Física em Rede Nacional – PROEF torna público O RESULTADO FINAL do
edital 22/2023, PROP/PROEF que trata do processo de CREDENCIAMENTO DE PROFESSOR.

Resultado Final Credenciamento docente ProEF UESPI 2024

Inscrições abertas para o Mestrado Profissional em Saúde da Família

Por Clara Monte

A Coordenação Acadêmica Nacional anuncia a abertura oficial das inscrições para a Seleção Nacional de Acesso ao Mestrado Profissional em Saúde da Família (PROFSAÚDE/MPSF), promovido em parceria com a Universidade Estadual do Piauí (UESPI). O período de inscrições estende-se até o dia 19 de fevereiro de 2024, e a UESPI disponibiliza 8 vagas para este programa em Rede Nacional.

Os interessados devem acessar o sistema por meio do site da NUCEPE, realizar o cadastro e anexar todos os documentos exigidos no edital, apresentando-os em formato PDF. A documentação comprobatória dos itens pontuados no Roteiro para a Análise de Currículo deve ser enviada conforme a ordem indicada no edital.

De acordo com o Coordenador Institucional do Programa na UESPI, Professor Vinícios Alexandre da Silva Oliveira, o curso é gratuito, oferecido na modalidade híbrida e possui uma duração mínima de 18 meses e máxima de 24 meses. A carga horária total é de 975 horas, abrangendo 9 encontros síncronos (presenciais) e atividades desenvolvidas à distância no Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA). Ele ressalta a importância do programa, destacando que, um QR code foi implementado para facilitar o acesso ao site de inscrições.

“Esse programa tem uma importância altíssima na capacitação dos profissionais de saúde que atuam na linha de frente. Fazer estratégias de saúde da família não é fácil e envolve conhecimentos específicos, os quais este mestrado tem o poder de ensinar aos profissionais para que se qualifiquem nessa perspectiva. A UESPI assume a responsabilidade de contribuir para este projeto, compartilhando conhecimento, ações e estratégias de trabalho em nosso estado.”

Confira todas as informações no Edital do PROFSAÚDE

UESPI divulga edital do Mestrado Profissional em Saúde da Família

Por Anny Santos

A Universidade Estadual do Piauí (UESPI) divulga o edital publicado pela Coordenação Acadêmica Nacional do Mestrado Profissional em Saúde da Família (PROFSAÚDE/MPSF) em Rede Nacional, a respeito da realização da Seleção Nacional de Acesso, na qual 8 vagas são destinadas à UESPI.

A inscrição deve ser feita, exclusivamente via internet, entre os dias 18 de dezembro (2023) e 19 de fevereiro (2024). O candidato precisa acessar o sistema através do site da NUCEPE, realizar o cadastro e anexar todos os documentos exigidos no edital, em formato PDF. A documentação comprobatória dos itens pontuados no Roteiro para a Análise de Currículo deve ser enviada na ordem indicada também no edital.

O PROFSAÚDE é um programa de pós-graduação Stricto sensu em Saúde da Família, apresentado à Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) pela Associação Brasileira de Saúde Coletiva (Abrasco) e aprovado em 2016. O mestrado é oferecido por uma rede nacional constituída por diversas instituições públicas de ensino superior lideradas pela Fiocruz. Agora, a UESPI compõe o quadro de universidades que participam.

Segundo o Coordenador Institucional do Programa na UESPI, professor Vinícios Alexandre da Silva Oliveira, o curso é gratuito, oferecido na modalidade híbrida e tem duração mínima de 18 meses e máxima de 24 meses, possuindo uma carga horária de 975 horas, compreendendo 9 encontros síncronos (presenciais) e atividades desenvolvidas à distância no Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA).

Trata-se de um mestrado que propõe consolidar uma vertente muito forte que possuímos aqui no estado do Piauí, a de trabalhar com saúde pública e formar profissionais para a saúde pública. Essa é uma tradição da Universidade Estadual também e agora temos a oportunidade de fazer parte de uma rede nacional com esses objetivos. Dessa forma, por meio da rede de profissionais e instituições, podemos trazer permanentemente atualizações e conteúdo para que possam ser discutidos aqui no nosso estado”, ressalta.

O programa conta com o apoio do Sistema Universidade Aberta do Sistema Único de Saúde (UNA-SUS) e tem os Ministérios da Saúde e da Educação como instituições demandantes e financiadoras deste projeto. O programa tem como objetivos formar profissionais aptos a atuarem como preceptores para graduação e residência médica em Saúde da Família, com o intuito de contribuir para a melhoria do atendimento dos usuários do Sistema Único de Saúde (SUS).

Além disso, busca fortalecer as atividades educacionais de produção do conhecimento e de gestão na Saúde da Família nas diversas regiões do país e estabelecer uma relação integradora entre o serviço de saúde, os trabalhadores, os estudantes na área de saúde e os usuários. As instituições de Ensino Superior que integram a Rede Nacional do PROFSAUDE são denominadas Instituições Associadas, e são responsáveis pela execução do curso.

Confira o Edital do PROFSAÚDE

Estão abertas as inscrições para o Programa de Mestrado Profissional em Educação Física em Rede Nacional  – Proef Pólo UESPI

Por Clara Monte 

Estão abertas as inscrições para o Programa de Mestrado Profissional em Educação Física em Rede Nacional  – Proef Pólo UESPI. O projeto visa formar professores qualificados para o exercício da prática profissional transformadora, a fim de atender às demandas sociais e profissionais. Ao total, são 12 vagas para a 2ª turma no período 2024/2026.

O programa trata-se de uma proposta que agrega um conjunto com 26 Instituições de Ensino Superiores, denominadas Instituições Associadas, sendo a Universidade Estadual do Piauí, Campus Poeta Torquato Neto, em Teresina, uma delas. De acordo com o Prof. Dr. José Carlos de Sousa, a demanda do PROEF caracteriza-se por professores que atuam no ensino da Educação Física em diferentes etapas da escolarização em busca de aportes técnico-científicos para melhor proceder às suas práticas profissionais.

“Todos os professores licenciados em Educação Física que sejam efetivos na rede municipal, estadual e federal e estejam no exercício do cargo podem está se inscrevendo até o dia 20 de novembro. O objetivo é reafirmar o compromisso contínuo com a qualidade do ensino e da aprendizagem na área de Educação Física Escolar, ao mesmo tempo em que busca promover a valorização profissional dos professores de Educação Física por meio do aprimoramento de sua formação”.

Ao total, o programa tem a duração de 24 meses, reconhecido pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior – CAPES do Ministério da Educação.

Link de inscrição

 

Resultado final do seletivo para Mestrado Nacional em Física – MNPEF/2024

A Universidade Estadual do Piauí -UESPI, por meio da Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação – PROP, comunica o RESULTADO FINAL da Primeira Etapa – Prova Escrita Nacional (Grupo 1) e da Prova de Análise de Currículos (Grupo 2) – do Processo Seletivo do MNPEF/2024 – MESTRADO NACIONAL PROFISSIONAL EM ENSINO DE FÍSICA – MNPEF Polo 66 em Piripiri-PI.

MNPEF_Polo_66_Resultado_Final_PS2024_V2.docx_assinado

Confira os prazos do processo seletivo de ingresso ao Mestrado Nacional Profissional em Ensino de Física

Por Anny Santos

A Comissão de Seleção do Polo 66 do Mestrado Nacional Profissional em Ensino de Física (MNPEF) e a Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação da Universidade Estadual do Piauí (PROP/UESPI) reforçam os prazos do processo seletivo de ingresso ao Mestrado Nacional Profissional em Ensino de Física no Polo 66, para o ano de 2024.

Os interessados devem realizar a inscrição no site do MNPEF até o dia 15 de outubro. Ao todo, o edital contempla 15 vagas.

O MNPEF é um programa nacional de pós-graduação de caráter profissional, voltado a professores de ensino médio e fundamental com ênfase principal em aspectos de conteúdos na Área de Física. É uma iniciativa da Sociedade Brasileira de Física (SBF) com o objetivo de coordenar diferentes capacidades apresentadas por diversas Instituições de Ensino Superior (IES) distribuídas em todas as regiões do País.

Os classificados deverão entregar cópias físicas, também até o dia 15 de outubro, à Secretaria do Polo 66, ou digitais, em formato PDF, enviadas para o endereço eletrônico mnpef@prop.uespi.br, os seguintes documentos: CPF e RG, Diploma de curso de graduação, frente e verso, ou declaração oficial de colação de grau ou comprovante de matrícula em semestre final de curso, Histórico escolar de curso de graduação, Memorial constituído de exposição escrita sobre a trajetória profissional do candidato, com apresentação de documentação comprobatória ou não a critério de cada Polo.

Após a divulgação da listagem dos candidatos, o processo se divide em duas etapas. A primeira, consiste na realização da Prova Escrita Nacional no dia 22 de outubro, com a divulgação dos resultados prevista para o dia 06 de novembro. A segunda, a realização da Defesa Memorial, de 14 de novembro a o1 de dezembro. A divulgação do resultado final está prevista para o dia 15 de dezembro.

Confira o Edital

Professores da UESPI promovem curso online com foco na pós-graduação

Por João Fernandes

Docentes do curso de Administração, campus Josefina Demes, em Floriano, promovem, a partir do dia 16 de setembro, o “Minicurso Preparatório para Mestrado”.
O curso é voltado, principalmente, para estudantes que estão concluindo a graduação e querem dar continuidade à formação acadêmica. Além de egressos da UESPI, o curso também receberá inscrições do público externo. Para participar basta preencher o formulário disponível aos interessados.

As aulas serão ministradas em forma híbrida, via Google Meet, sempre aos sábados, a partir das 14 horas.  A ideia é acompanhar os  candidatos nos processos seletivos de mestrado durante o segundo semestre de 2023.  Serão ofertadas 40 vagas distribuídas entre a comunidade externa e egressos da UESPI de qualquer campi. Ao final, os candidatos que acompanharem as aulas, receberão certificados de 60 horas-aula de participação

Os seis encontros acontecerão a partir do dia (16) setembro e seguem até o dia (21) de outubro. Durante as aulas, os tutores darão dicas para orientar os estudantes e possíveis candidatos aos programas de pós-graduação para como fazer a leitura correta e interpretação de editais, além de outros critérios de processos seletivos.

De acordo com o professor Wilsomar Nunes, um dos tutores do Curso, serão abordadas todas as etapas do processo seletivo, desde o processo de publicação dos editais até o processo de análise curricular. Segundo ele, a capacitação busca fomentar o ingresso da comunidade acadêmica e externa em cursos de pós-graduação a nível de mestrado.

“A ideia surgiu quando observamos a mudança de mentalidade, sobretudo dos estudantes de bacharelado que hoje já se interessam mais por questões científicas, por  pesquisas e continuar se qualificando através de um mestrado ou  doutorado. Logo, queremos incentivar nossos egressos e concluintes a continuarem estudando, de continuar se desenvolvendo e contribuindo para as questões sociais ligadas à sociedade e à Universidade”, comenta o professor.

Por que fazer uma pós-graduação?

Com uma pós-graduação, os estudantes podem segmentar a sua atuação profissional, conquistar remunerações maiores e se destacar no mercado de trabalho como especialista no assunto.

O professor Wilsomar Nunes destaca ainda que escolher fazer uma pós-graduação é uma etapa importante, isso porque, com essa decisão, os candidatos conseguem delimitar de forma mais clara e objetiva os caminhos profissionais.

“Queremos que os egressos tenham uma aproximação com a academia após a graduação. Durante este processo, os alunos não encontram ninguém que os incentive a continuarem, porque, de fato, é uma caminhada muito árdua. Até se inserir em um contexto de mestrado é muito difícil, muito desgastante, mas é necessário para uma qualificação maior. Acredito que o curso possibilitará que esse aluno tenha a oportunidade de ver outras opções para além do mercado de trabalho”, finaliza o professor.

Inscrição

Os interessados têm até o dia nove (9) de setembro para se inscrever por meio do formulário eletrônico.

Conteúdo Programático
– Explicando e fornecendo instrumentos nas etapas de homologação, prova e entrevista (16/Set);
– Como escolher o tema do projeto e problema de pesquisa relacionando-os com a linha de pesquisa do professor-orientador (23/Set;
– Desmistificando os objetivos e metas do projeto de pesquisa (30/Set);
– Conhecendo técnicas e ferramentas Qualitativas (07/Out);
– Trabalhando Metodologias Quantitativas (14/Out);
– Especificidades exigidas por alguns editais de seleção de Mestrado (Proficiência em língua estrangeira, análise curricular, teste ANPAD) (21/Out).

Oportunidade de estudos no Chile: CRI da UESPI divulga programa de bolsas de cooperação de mestrados

Por Vitor Gaspar

A Coordenação de Relações Internacionais (CRI) da Universidade Estadual do Piauí (UESPI) informa que a Agência Chilena de Cooperação Internacional para o Desenvolvimento (AGCID) está lançando seu Programa de Bolsas de Cooperação Sul-Sul, edição 2024. Este programa oferece uma chance incrível para profissionais da América Latina e do Caribe aprimorarem suas habilidades por meio de mestrados em instituições chilenas de ensino superior.

Aprueba Convocatoria 2024 Becas República de Chile – revisada PLC-10-07-2023

Casa Central da Universidad de Chile, a mais antiga do país. (foto: Joshua Stone/Wikimedia Commons)

Segundo o Coordenador de Relações Internacionais da UESPI, Prof. Dr. Orlando Berti, essa é uma oportunidade ímpar para os egressos e egressas, além do quadro de servidores técnicos e administrativos da universidade, pois trata-se de uma chance de ingressar em instituições de qualidade no Chile, aproveitando também para destacar a oportunidade de internacionalização do conhecimento.

“Até o momento essa é a oportunidade mais interessante para esses dois públicos, sendo também uma forma de instigar a internacionalização não somente da UESPI, mas como também do nosso Estado, trazendo mais perspectivas de visões de mundo, culturais e políticas que trazem e reverberam uma série de perspectivas positivas da universidade como propagadora do saber”, afirma.

Benefícios Generosos

– Pagamento de custos de tarifas, matrículas e taxas de licenciatura;
– Subsídio mensal de manutenção;
– Benefícios de vida, saúde e acidentes durante a estadia no Chile;
– Subsídio único para textos e materiais de estudo;
– Subsídio adicional para apoio de despesas de preparação de tese;

Quem Pode Participar?

Profissionais de países como Argentina, Bolívia, Brasil, Cuba, Equador, Paraguai, Uruguai e outros, incluindo membros da CARICOM. Prioridade é dada a funcionários públicos e acadêmicos de universidades reconhecidas em seus países.

Prazos Importantes

Os estudos podem iniciar entre 1 de março e 30 de setembro de 2024, de acordo com os programas e calendários das instituições chilenas. A data-limite para envio das candidaturas é 31 de outubro de 2023.

GUIA CRI_MESTRADO NO CHILE

Como se Inscrever?

a) enviar ao correio eletrônico da DCE (dce@itamaraty.gov.br), até 31/10/2023, cópias da documentação completa em formato digital;

b) enviar ainda a documentação somente em formato digital, até 31/10/2023, ao correio eletrônico da Embaixada do Chile no Brasil ().

Acesse o link oficial para mais informações

 Não perca esta chance única de avançar em sua carreira acadêmica e profissional no Chile!

Novo edital de exame de proficiência do CCHL-UESPI

O Centro de Ciências Humanas e Letras – CCHL da Universidade Estadual do Piauí (UESPI) do Campus “Poeta Torquato Neto” – Teresina / PI,  divulga o  Edital N° 01/ 2023 para abertura de inscrições ONLINE ao Exame de Proficiência ONLINE em Língua Estrangeira,.

Confira todas as informações no Edital abaixo:

EDITAL EXAME PROFICIENCIA ONLINE CCHL 01 2023

Curso de Letras Português e Programa de Mestrado Acadêmico em Letras promovem evento sobre estudos de gênero

Por Giovana Andrade

O Curso de Letras Português do campus Clóvis Moura, juntamente com o Programa de Mestrado Acadêmico em Letras, promovem evento ” Estudos de gêneros: os passos e movimentos retóricos de resumos produzidos para apresentação em eventos científicos” neste dia 17 de junho, das 08h às 10h e  através da plataforma google meet.

A palestra ocorre dentro do 2º encontro formativo do curso de extensão “Letramentos acadêmicos: práticas de escrita de resumos no contexto do PIBIC“, que tem o intuito de aprimorar a produção de textos e a redação de projetos de pesquisa.

Segundo uma das coordenadoras do projeto, Profa. Shirlei Marly Alves, o evento é gratuito e aberto a comunidade acadêmica. “Estamos no quinto módulo do projeto e ele tem a finalidade de contribuir para o aprendizado de gêneros textuais com o foco em resumo científico”.

De acordo com Docente, esse é um projeto piloto coordenado por ela e a Profª Bárbara Melo e o foco é o letramento acadêmico. O projeto tem a duração de 40h e está dividido em 7 módulos.

 

Processo de Seleção para bolsistas de Mestrado

A Coordenação do Programa de Pós-Graduação em Letras – PPGL e a Pró-reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação – PROP da Universidade Estadual do Piauí – UESPI, no uso de suas atribuições, conforme Regimento do Programa, Art. 53, inciso XVIII, e considerando os termos da Resolução CEPEX Nº 035/2015, de 04 de novembro de 2015, torna pública à comunidade acadêmica a abertura do Processo de Seleção para bolsistas de Mestrado, referente a cotas de bolsas CAPES destinadas ao Programa.
Confira:

EDITAL_SELECAO_BOLSISTAS_CAPES_PPGL_2023_corrigido_3_ (2)

Aula magna do Mestrado em Física da UESPI aconteceu nesta manhã (14)

O campus de Piripiri da Universidade Estadual do Piauí (UESPI) realizou, na manhã desta sexta-feira (13), a Aula Magna do Mestrado Nacional Profissional em Ensino de Física – Polo 66.

O evento aconteceu no auditório do próprio campus da Uespi

A abertura aconteceu com apresentação cultural, falas de convidados destacando a importância do Mestrado na formação de docentes de física para a região.

O hino nacional foi executado de forma regional por um sanfoneiro local, Joel Sanfoneiro

O Programa Nacional de Mestrado Profissional em Ensino de Física (MNPEF) é um programa nacional de pós-graduação de caráter profissional voltado para professores de Ensino Médio e Fundamental, com ênfase principal na área de Física. É uma iniciativa da Sociedade Brasileira de Física (SBF) com o objetivo de coordenar diferentes capacidades apresentadas por diversas Instituições de Ensino Superior (IES) distribuídas em todas as regiões do País.

O reitor destacou a importância da qualificação para os discentes e para a própria cidade

Diante disso, a UESPI, por meio do programa, oportuniza que a comunidade piauiense no interior do Estado obtenha uma formação em nível de mestrado na área Física, além disso, tenha conhecimento de técnicas atuais de Ensino para aplicação em sala de aula.
O reitor, Prof. Dr. Evandro Alberto, destacou que este é um papel relevante de uma instituição multicampi, como a Uespi, que proporciona a democratização do ensino superior em todas as regiões  do Estado. “É o início de uma parceria que ficará fincada! Estamos iniciando o Mestrado já com o intuito de oportunizar o doutorado futuramente. São profissionais que irão  contribuir e transformar a educação municipal e estadual”.

O Diretor do campus de Piripiri, Prof. Mike Melo do Vale, aponta que todos ganham com um mestrado, em especial em Física. “É uma satisfação para nós recebermos o programa aqui. Há muito tempo, deste a instituição dos cursos de Física, Química e Ciências da Computação no campus, nós estávamos tentando instituir o mestrado aqui. Então, isso vem para acrescentar tanto para os nossos alunos, como também para a comunidade de Piripiri, aumentando os níveis de educação ofertada aqui nas nossas escolas”.

O coordenador do MNPEF na UESPI, Prof. Agmael Mendonça, afirma estar animado para dar início às atividades, porque acredita que essa capacitação irá transformar positivamente a educação na cidade e na região .

Coordenado do Mestrado, Prof. Agmael, destacou a importância de programa de pós-graduação em Piripiri

O representante discente do MNPEF, Erivelton  Vieira, comenta a alegria de receber um programa de mestrado no campus da UESPI de Piripiri, pois significa a consolidação do acesso à educação ao permitir que os discentes cursem um curso de pós-graduação sem precisar se deslocar para outras localidades. Algo impensável alguns anos atrás e agora se torna possível graças a UESPI.

O aluno Erivelton faz parte da 1ª turma do Mestrado do campus de Piripiri

confira imagens da solenidade:


 

 

 

Campus de Piripiri ganha Mestrado Profissional de Física

Por Clara Monte

Na manhã desta quinta-feira (13), a Administração Superior da Universidade Estadual do Piauí (UESPI) recebeu a visita da equipe do Mestrado Nacional da Sociedade Brasileira de Física (MNPEF) para formalizar novo mestrado profissional, no campus de Piripiri.

Administração Superior da UESPI juntamente com a equipe do Mestrado Nacional da Sociedade Brasileira de Física

A oportunidade tratou de algumas pautas, dentre elas  aspectos estruturais e institucionais. O reitor da UESPI, Evandro Alberto, afirma que a Administração Superior assumiu o compromisso com coordenação nacional de física.

“Vamos apoiar o programa e, principalmente, parabenizar os professores que se dedicaram muito para que esse projeto fosse aprovado e que fosse bem recebido pelo equipe nacional. Um momento de agradecimento a todos que acreditaram que era possível e, agora, a universidade estadual passa a contar com mais um programa, o de profissional de física”.

Reitor da UESPI, Evandro Alberto e o Vice-reitor, Jesus Abreu

O vice-reitor da UESPI, Jesus Abreu, reforçou a importância da pós-graduação em ambientes estudantis e destacou a necessidade de um físico não somente para a área especifica, mas para muitas outras amplas áreas que recebem contribuições do curso. “Essa reunião foi um momento gratificante para nossa universidade e para todos os professores aqui presentes, pois toda pós-graduação é extremamente importante e dá ao nosso alunato uma expansão de conhecimento e um sendo crítico avançado”.

A coordenadora do MNPEF , Iramaia Jorge Paulo, usou o momento para agradecer a Universidade pelo recebimento do mestrado e por mas um polo que esta sendo incrementado diante de uma rede de 61 instituições púbicas envolvidas na formação de professores de física em serviço. “Estou saindo daqui muito bem intencionada, com a certeza que o apoio da UESPI não foi somente para aprovação do projeto, mas também para a continuidade dele”.

Reitor da UESPI, Evandro Alberto e a Coordenadora da MNPEF, Iramaia Jorge Paulo

Presente na reunião, o coordenador do MNPEF, polo 66, Agmael Mendonça Silva, reafirma a necessidade desse programa para a comunidade acadêmica do campus de Piripiri e se diz agradecido pela aprovação dessa conquista. “Estamos hoje celebrando mais uma vitória acadêmica para nosso curso. Um projeto que venha causar impacto na formação profissional dos nossos estudantes de física”, finalizou o professor.

 

 

“A educação é o principal meio de alavancar a vida de qualquer pessoa”

Por Anny Santos

A UESPI, assim como seus professores, teve um papel fundamental na minha conquista para o mestrado, por meio tanto do excelente ensino, quanto pelo apoio e incentivo que os professores nos dão. Estes, em especial os da biologia, foram essenciais na minha formação como profissional e incentivadores a sempre seguir em frente. A educação é o principal meio de alavancar a vida de qualquer pessoa, pois com ela você consegue dar um rumo melhor para sua vida, sua família e para a sociedade em que vive. É sem dúvidas um instrumento de transformação”, afirmou o egresso Michael Anderson Teneu Costa, do curso de Bacharelado em Ciências Biológicas do campus Poeta Torquato Neto.

Michael Anderson  foi aprovado no Programa de Pós-Graduação em Tecnologias Aplicadas a Animais de Interesse Regional (PPGTAIR) da UFPI, com linha de pesquisa Diagnóstico e Terapêutica, em Medicina Veterinária, e fez questão de contar sua história como mais uma prova da importância da Educação para a formação crítica e cidadã.

 

Enquanto estudante, participou do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Cientifica (PIBIC), Monitorias e Programas de Extensão ofertados pela Universidade. Para ele, receber a notícia da aprovação tanto na graduação, assim como no mestrado, foi um momento ímpar e de grande satisfação, porque se dedicou e destinou seu tempo para os estudos.

Segundo Michael Costa, os egressos do curso de Biologia também são o futuro da pesquisa. Além disso, ele acredita que estes irão sempre dar o melhor nos campos que estiverem atuando. “Desde o início, assim que vivenciei as primeiras matérias e o primeiro contato com o laboratório, soube que estava no curso certo. Sempre tive uma ligação forte com a Biologia. Com a vivência do curso pude perceber que estava realmente no lugar certo”.

Para os alunos que estão ingressando no curso e na UESPI, o egresso deixa uma mensagem especial de felicitações e incentivo. “Desejo que aproveitem cada momento da graduação, que participem de tudo que a instituição lhe proporcione e que sempre olhem para a frente. Agradeço muito a UESPI por tudo que me proporcionou ao longo desses 4 anos de graduação e aos professores pela dedicação e incentivo. O que posso oferecer é ser um profissional dedicado e ético. Sempre irei carregar o nome da instituição com imenso carinho”.

A educação é o melhor caminho para construir um futuro melhor para nosso Estado e nossa sociedade. É o fator transformador da realidade e deve ser buscada constantemente como o princípio fundamental de todos os projetos. A UESPI atua proporcionando uma educação de qualidade, contribuindo para o desenvolvimento educacional, social, econômico, ambiental e cultural do Piauí.

PROFBIO da Uespi realiza a II Mostra de Práticas Pedagógicas Investigativas em Ensino de Biologia do PROFBIO/UESPI

Por Giovana Andrade

Mestrado Profissional em Ensino de Biologia (PROFBIO) da Universidade Estadual do Piauí (UESPI) promove, com apoio da coordenação do curso, e docentes de cursos de Licenciatura e Bacharelado em Ciências Biológicas, a “II Mostra de Práticas Pedagógicas Investigativas em Ensino de Biologia do PROFBIO/UESPI”.

O evento acontece de forma hibrida no dias 15 a 17 de dezembro. As atividades do primeiro dia acontecem de forma remota pela plataforma Google Meet, nos dias 16 e 17 acontecem no Auditório do NEAD do campus Poeta Torquato Neto. Os links para participação serão enviados nos e-mails informados durante o ato de inscrição.

A ação visa permitir a troca de saberes e de experiências vivenciadas por docentes, egressos, mestrandos e graduandos na área de ensino de ciências biológicas da UESPI. Na programação está prevista apresentações de ao menos 25 trabalhos, palestras com pesquisadores na área de Ensino de Biologia e Mesa redonda com convidados egressos.

Ao final será emitido certificados de 20h aos participantes.

Programação:

15 DE DEZEMBRO (REMOTO)
18:00: ABERTURA DO EVENTO
18:30: PALESTRA DE ABERTURA
16 DE DEZEMBRO (PRESENCIAL)8:00-9:00: PALESTRA
9:00-12:00: APRESENTAÇÕES DAS AASAS (PARTE 1)
14:00-16:00: MESA REDONDA: EXPERIÊNCIAS PÓSPROFBIO
16:00-18:00: APRESENTAÇÕES DAS AASAS (PARTE 2)
17 DE DEZEMBRO (PRESENCIAL)
8:00-12:00: APRESENTAÇÕES DAS AASAS
(PARTE 3)

Edital complementar para ingresso no Mestrado de Ensino de Física

A Universidade Estadual do Piauí – UESPI, por meio da Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação – PROP, divulga Retificação quanto a quantidade de vagas ofertadas.
Visando redistribuir as vagas ociosas, onde se tinha nove vagas, agora serão ofertadas 12 vagas no processo seletivo de ingresso no Mestrado Nacional Profissional em Ensino de Física – Turma 2023 Polo 66

MNPEF_Retificação_Edital_Complementar-12-2022_Polo_66.docx

Resultado da prova para ingresso no Curso de Mestrado Nacional Profissional em Ensino de Física

A Universidade Estadual do Piauí – UESPI, por meio da Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação – PROP, comunica o RESULTADO DA PROVA DE DEFESA DE MEMORIAL – Segunda Etapa – do Processo Seletivo do MNPEF/2023 para o preenchimento de 09 (nove) vagas para ingresso na 1a Turma do Curso de MESTRADO NACIONAL PROFISSIONAL EM ENSINO DE FÍSICA – MNPEF, Polo 66 em Piripiri-PI. O(A) candidato(a) deve atentar ao Artigo 4.15 do EDITAL DE SELEÇÃO – MNPEF/SBF No 07/2022 em caso de recurso.

MNPEF_Polo_66_Noticia_2022_UESPI_06

 

Resultado preliminar da primeira etapa para o Mestrado Nacional Profissional em Ensino de Física em Piripiri-PI

A Universidade Estadual do Piauí (UESPI), por meio da Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação – PROP, comunica o RESULTADO PRELIMINAR da primeira etapa – PROVA ESCRITA NACIONAL – do Processo Seletivo do MNPEF/2023 para o preenchimento de 09 (nove) vagas para ingresso na 1a Turma do Curso de MESTRADO NACIONAL PROFISSIONAL EM ENSINO DE FÍSICA – MNPEF, Polo 66 em Piripiri-PI. O(A) candidato(a) deve atentar aos Artigos 4.9 e 4.10 do EDITAL DE SELEÇÃO – MNPEF/SBF No 07/2022 em caso de recurso.

MNPEF_Noticia_UESPI_04_ResultadoPreliminar_1a_Etapa

 

Abertas as inscrições para a 1° Turma do Mestrado Nacional Profissional em Ensino de Física em Piripiri-PI

A Universidade Estadual do Piauí (UESPI), por meio da Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação (PROP), comunica a abertura de Processo Seletivo do MNPEF/2023 para o preenchimento de 09 (nove) vagas para ingresso na 1a Turma do Curso de MESTRADO NACIONAL PROFISSIONAL EM ENSINO DE FÍSICA – MNPEF, Polo 66 em Piripiri-PI, com inscrições no período de 05/09/2022 a 30/09/2022.

O MNPEF é um programa nacional de pós-graduação de caráter profissional, voltado para professores de Ensino Médio e Fundamental com ênfase principal na Área de Física. É uma iniciativa da Sociedade Brasileira de Física (SBF) com o objetivo de coordenar diferentes capacidades apresentadas por diversas Instituições de Ensino Superior (IES) distribuídas em todas as regiões do País. Tem o objetivo de capacitar em nível de mestrado professores da Educação Básica quanto ao domínio de conteúdos de Física e de técnicas atuais de Ensino para aplicação em sala de aula como, por exemplo, estratégias que utilizam recursos de mídia eletrônica, tecnológicos e/ou computacionais para motivação, informação, experimentação e demonstrações de diferentes fenômenos relativos à Física.

A UESPI em 2022 submeteu proposta à Quarta Chamada de Credenciamento de novos Polos do Programa Nacional de Mestrado Profissional em Ensino de Física (MNPEF). Para esta chamada houve o credenciamento de quatro novos Polos, a saber: Polo 64: UFAM_Itacoatiara (ICET)/Coari (ISB) – Universidade Federal do Amazonas; Polo 65: IFPI – Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Piauí – Picos; Polo 66: UESPI – Universidade Estadual do Piauí – Piripiri; Polo 67: UNIFAP- Universidade Federal do Amapá. O Estado do Piauí agora dispõe de três Polos do MNPEF: UFPI (Teresina), UESPI (Piripiri) e IFPI(Picos).

O Polo 66 MNPEF-UESPI (Piripiri-PI), localizado no Campus Prof. Antonio Geovanne de Sousa, em Piripiri-PI, foi uma construção histórica da Física da UESPI. Inicialmente o corpo docente do programa é composto por 19 professores das áreas de Física, Filosofia, Pedagogia, Química, Computação, Letras Português e Letras Inglês, dos campi de Teresina, Piripiri e Parnaíba; e ainda colaboradores externos da UEMA-Caxias-MA e UFC-Sobral-CE.

O coordenador do Polo 66 MNPEF-UESPI, Prof. Dr. Agmael Mendonça Silva, pontua que “Este Mestrado virá a abrir um leque de colaboração regional com as Escolas do Ensino Básico, com as I.E.S, órgãos da administração pública, professores e especialistas, e a comunidade em geral, contribuindo com a qualificação profissional no Ensino de Física e integração com outras áreas do conhecimento. A médio e/ou longo prazo teremos produções científicas que naturalmente irão impulsionar o surgimento de novos programas de Mestrado e/ou Doutorado para a região”, conclui.

Profbio e Profhistória são avaliados com nota 5 pela CAPES

Por Anny Santos

O Mestrado Profissional em Ensino de Biologia (Profbio) e o Mestrado Profissional em Ensino de História (Profhistória), da Universidade Estadual do Piauí (UESPI), foram aprovados pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES), obtendo nota 5 atribuída a programas de mestrado.

A Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação (PROP), é responsável por tratar dos cursos de pós-graduação da UESPI, como os de especialização e mestrado. Além disso, também cuida dos assuntos referentes à pesquisa na instituição, coordenando grupos e projetos, e gerenciando editais como o do PIBIC.

Segundo o Coordenador da PROP, Prof. Dr. Rauirys Alencar, além do PPGL houve esse avanço na melhora da avaliação dos programas de mestrado profissional em Biologia e em História (ambos obtendo nota 5). “Destaco que é um avanço para a Pós-graduação da UESPI, bem como para a pesquisa, inovação e transferência de tecnologia, uma vez que esses programas têm dentro de seus objetivos o desenvolvimento de produtos. É o reconhecimento da qualidade do empenho e dedicação de todos que fazem esses programas de mestrado”.

De acordo com a professora Franciele Martins, Coordenadora do Profbio UESPI, essa foi a primeira avaliação quadrienal e logo de início conseguimos atingir o conceito máximo atribuído pela CAPES para os cursos de Pós-graduação que oferecem Mestrado e isso mostra que o curso avança no caminho certo.

É importante ressaltar que o resultado só foi possível graças ao envolvimento de todos que fazem parte da rede: coordenadores, secretários, mestres, mestrandos e docentes do PROFBIO e o empenho contínuo no desenvolvimento da qualificação profissional, produção intelectual e consequente revitalização do ensino de Biologia na escola pública”, finaliza.

Já para o Coordenador do Profhistória, o professor Danilo Bezerra, o fato denota a envergadura do núcleo bem como uma demanda reprimida, ao observar a relação candidato/vaga, das maiores do Brasil, do exame de seleção, de docentes que não tinham possibilidade de se deslocar até as capitais para dar continuidade em sua formação.

“Nós recebemos com grande contentamento a notícia de que nosso programa atingiu a nota 5. Essa nota revela um ótimo desempenho de docentes e discentes cujas pesquisas, no Ensino de História, têm ganhado volume e qualidade nos últimos anos. O programa tem se revelado um ativo substantivo para a pesquisa no Brasil. Professores e professoras que atuam na rede básica de ensino, e que desejam ampliar seus horizontes de conhecimento; fortalecer sua formação crítica; atualizar suas práticas de ensino em sala de aula; têm encontrado no PROFHISTÓRIA um caminho frutífero”.

O Mestrado Profissional em Matemática também desempenha um importante papel em nossa instituição. De acordo com o Coordenador do Profmat, o professor Arnaldo Silva, a UESPI oferta nove (9) cursos de mestrado, estando o Profmat compondo esse quadro desde 2016, fortalecendo a formação de mestres em nossa universidade. Segundo ele, o curso já titulou 41 alunos que atualmente atuam na Educação Básica, em Institutos Federais ou estão como doutores e doutorandos.

“A contribuição que a UESPI traz com o curso é fundamental para melhorar a qualidade educacional do nosso Estado. E esse é o principal objetivo do curso, qualificar o docente da Educação Básica, em especial da Rede Pública, para que ele possa retribuir para a sociedade esse conhecimento adquirindo, fortalecendo o ensino no Piauí”, destaca.

Sobre os programas

Profbio: O Mestrado Profissional em Ensino de Biologia em Rede Nacional é um curso de pós-graduação stricto sensu que tem como objetivo a qualificação profissional de professores das redes públicas de ensino em efetivo exercício da docência de Biologia.

Profhistória: O Mestrado Profissional em Ensino de História em Rede Nacional é um programa de pós-graduação stricto sensu reconhecido pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) e tem como objetivo proporcionar formação continuada aos docentes de História da Educação Básica, com o objetivo de dar qualificação certificada para o exercício da profissão.

Profmat: O Mestrado Profissional em Matemática em Rede Nacional é um programa da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), que oferece bolsas de estudo para mestrado a professores de matemática das redes públicas.

PROP: EDITAL de seleção para o Programa de Pós Graduação em Letras

O Programa de Pós-Graduação em Letras da Universidade Estadual do Piauí lançou hoje o edital de seleção de candidatos para formação da décima terceira turma do curso de Mestrado em Letras da Universidade Estadual do Piauí (UESPI). Ao todo estão sendo disponibilizadas 43 vagas para ingresso no primeiro período letivo de 2023.
O período de inscrições é de 01 a 28/09/2022, no site do Núcleo de Concursos e Formação de Eventos (NUCEPE/UESPI). No site do Nucepe você também acompanha todas as cinco etapas do processo seletivo: inscrição, análise documental, análise do pré-projeto de pesquisa, arguição e prova de títulos.
Confira as linhas de pesquisa:
1) Literatura e outros Sistemas Semióticos: estudos teóricos e críticos de produções literárias e culturais, suas relações com outros sistemas estéticos, midiáticos e culturais;
2) Literatura, Historiografia e Memória Cultural: estudo da produção e recepção literária, ficção e história, das relações de gênero e de etnia, com ênfase no contexto regional;
3) Estudos da Linguagem: descrição e ensino: estudos teóricos e empíricos de fenômenos da linguagem a partir de toda a sua complexidade como fenômeno de natureza sociocultural e histórica e sob diversas perspectivas teórico-metodológicas e diferentes aspectos (fonético-fonológico, morfológicos, sintáticos, semânticos, lexicais, pragmáticos e discursivos), além de suas relações com o ensino de línguas.
Confira o edital completo.

 

SEI_GOV-PI – 5255037 – Edital

PÓS-GRADUAÇÃO: Inscrições para o Mestrado em Sociedade e Cultura

A Pró-reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação – PROP e a Coordenação do Programa de Pós-
Graduação Interdisciplinar em Sociedade e Cultura – PPGSC, Área Sociais e Humanidades, da Universidade Estadual do Piauí – UESPI, no uso de suas atribuições, tornam pública a abertura do processo de inscrições para a seleção de candidatos para a segunda turma do Curso de Mestrado Interdisciplinar em Sociedade e Cultura (Resolução CEPEX 057/2019), a iniciar-se no primeiro período letivo de 2023.1, para o preenchimento de 20 (vinte) vagas, sendo até 06 (seis) vagas destinadas a cotas: estudantes autodeclarados negros/as, indígenas e quilombolas; até 02 (duas) vagas para pessoas com deficiência; e até 02 (duas) vagas para servidores efetivos da Universidade Estadual do Piauí, conforme Resolução CEPEX no 020/2016.

Edital_PPGSC_007_2022

PROFHISTÓRIA: Convocação de candidato

A Coordenação Acadêmica Local do Mestrado Profissional em Ensino de História (PROFHISTÓRIA) da Universidade Estadual do Piauí (UESPI), conforme prevê o item 11.1 do Edital do PROFHISTÓRIA – Exame Nacional de Acesso 2022, tendo em vista o desligamento a pedido de discente do curso, torna pública a CONVOCAÇÃO do vigésimo colocado da Listagem de Classificação da UESPI no referido certame, conforme abaixo:

LUIZ FELIPE FREITAS NASCIMENTO – Inscrição 21028004710-1

O referido convocado deverá formalizar seu interesse em assumir a mencionada vaga até o dia 16 de agosto de 2022, encaminhando um e-mail à Coordenação do PROFHISTÓRIA- UESPI: profistoria@phb.uespi.br

Mediante esta formalização de interesse pela vaga ociosa, serão informadas ao convocado a data de realização da matrícula e a relação de documentos obrigatórios para sua realização.

Caso o convocado não se manifeste dentro do prazo es pulado, a próxima pessoa classificada no certame será convocada”.