Uespi

Brasão_da_UESPI.512x512-SEMFUNDO

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO PIAUÍ

Brasao_Pi_h-1

Inscrições abertas: está disponível o edital de ingresso no Grupo “Esperança Garcia”

Por Clara Monte

A Universidade Estadual do Piauí (UESPI), com apoio do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, informa que estão abertas as inscrições para a seleção de novos membros do Grupo de Estudo e Pesquisa Esperança Garcia (GEPEG). As inscrições seguem até o dia 02 de janeiro de 2023.

O professor Elvis Gomes Marques Filho, coordenador do grupo de estudos, explica a relevância do projeto como forma de promover pesquisas e extensões sobre direitos e garantias fundamentais de grupos sociais vulneráveis no Brasil, em especial no Piauí. Ele destaca a importância de debates acadêmicos sobre esse assunto objetivando o processo de concretização da proteção normativa de membros de grupos vulneráveis, em busca de desconstruir os obstáculos sociais e institucionais que impedem o pleno gozo de direitos e garantias fundamentais por pessoas em situação de vulnerabilidade social, jurídica e econômica.

“Os resultados das nossas pesquisas são divulgados em revistas com Qualis Capes, de modo a demonstrar a necessidade de efetivação das normas jurídicas que garantam os direitos e garantias fundamentais dos povos marginalizados. Ou seja, fazer parte da nossa equipe melhora o currículo com publicações de artigos científicos, e apresentações de trabalhos em congressos e organização de eventos. Além de aprender a discutir sobre estudos na área dos Direitos Humanos, em reuniões mensais e promover ações extensionistas em trabalho direito com a comunidade.”

Ao todo, estão sendo oferecidas 10 vagas, com o prazo de validade de 01 (um) ano, podendo ser prorrogado por mais 01 (um) um ano. Podem se inscrever aqueles que estão cursando ou já cursaram um dos cursos superiores das áreas de Ciências Sociais Aplicadas, Ciências Humanas, Linguística, Letras e Artes.

Confira o edital para mais informações: https://drive.google.com/file/d/1soWshqXp8nk0KBN9IVvX37VMy9ugC7MJ/view

Formulário de inscrição:

https://forms.gle/kSn1dFDqJyXMBeX27

NEPA promove a exibição do documentário Amor e Racismo no Memorial Esperança Garcia

Por Vitor Manoel

O Núcleo de Estudos e Pesquisas Afro (NEPA) da Universidade Estadual do Piauí (UESPI), vinculado ao curso de Letras-Português do Centro de Ciências Humanas e Letras (CCHL), promoveu a exibição do documentário “Amor e Racismo Sem Medida”, da diretora Prof. Carolina de Cássia no memorial Esperança Garcia, centro sul de Teresina.

Mesa com representantes de movimentos presentes no encontro

A ação trouxe a linha de pesquisa promovida nos estudos e no ativismo do Núcleo, trazendo a exibição do filme produzido pela professora Carolina de Cássia com o depoimento de mulheres negras dos quilombos na cidade de Amarante. O documentário traz a história de duas irmãs como protagonistas (Mariquinha e Mundinha) residentes do bairro Vila Nova, ambas professoras negras do município.

O objetivo da execução desse programa foi trazer a discussão da questão racial, dentro do conteúdo visualizado ao longo da exibição do vídeo. Além disso, foram convidados vários grupos de representatividade do movimento negro no Piauí como a Profa. Ma. Haldaei Regina do YABÁS, do Prof. Me. Raimundo Rodrigues do Movimento Negro Unificado do Piauí (MNU-PI), da Dra. Carmen Lúcia Ribeiro do Grupo Matizes e da Mãe Isabel de Oxum.

Roda de conversa no Memorial Esperança Garcia

Durante o encontro se formaram mesas de discussão, rodas de conversas, entre as pessoas presentes com a participação dos familiares das protagonistas do filme. Para o mediador, Prof. Dr. Elio Ferreira eventos desse tipo precisam ampliar o seu leque, saindo das universidades e contactando com outros grupos, de uma forma no qual os temas possam chegar a pessoas populares e instigando que elas participem da discussão.

“A nossa proposta é que se pense de uma forma mais efetiva na questão do racismo e da impunidade recorrente em quem comete esse crime. Para se ter uma ideia no Estado do Piauí existem apenas 24 processos de casos de racismo, e nós sabemos que esse número é bem maior, muitas vezes as pessoas ficam frustradas sem saber a quem recorrer, além de passar por constrangimentos, a questão da burocracia e outros fatores”.

Palestrantes e representantes dos movimentos reunidos

NÚCLEO DE ESTUDOS E PESQUISA AFRO DA UESPI

O NEPA foi criado em 2005, sendo o Núcleo de Pesquisa mais antigo do CCHL, são 17 anos realizando vários eventos internacionais e regionais na área de afrodescendência, dentro do contexto da literatura, história e cultura brasileiras, africanas e indígenas. O órgão também é responsável por realizar o maior evento do norte e do nordeste de afrodescentes que é o África Brasil, ação que acontece há mais de 10 anos sempre com palestras trazendo convidados especiais, e publicação de livros impressos e e-books.

CONFIRA MAIS REGISTROS DO ENCONTRO:

Inscrições prorrogadas: Grupo Esperança Garcia publica errata do edital de seleção para novos membros

Por Arnaldo Alves

O Grupo Esperança Garcia, da Universidade Estadual do Piauí (GEPEG/UESPI), campus Prof. Barros Araújo – Picos, pública Errata do edital n. 01/2021 para seleção para novos membros.

De acordo com o coordenador do GEPEG e professor do curso de Direito da UESPI, Elvis Marques, as mudanças ocorreram em virtude do sistema da plataforma Lattes está fora do ar.

A principal modificação refere-se a prorrogação do prazo final de inscrição até o próximo domingo (08), mediante preenchimento do formulário, bem como envio (anexados no mesmo formulário) dos documentos listados na errata e no edital.

Veja as demais alterações na errata publicada nesta segunda-feira (02). Ao todo serão selecionados 20 candidatos.

Errata 01 2021 GEPEG UESPI.

Definitivo-EDITAL-DE-SELEÇÃO-PARA-GRUPO-DE-ESTUDOS-ESPERANÇA-GARCIA-UESPI.

Grupo Esperança Garcia lança edital para seleção de novos membros no dia 15 de julho

Por Arnaldo Alves

O Grupo de Estudo e Pesquisa Esperança Garcia (GEPEG), da Universidade Estadual do Piauí (UESPI), campus Prof. Barros Araújo – Picos, lança no dia 15 de julho o edital para seleção de novos integrantes do Grupo.

Ao todo serão disponibilizadas 20 vagas distribuídas em três grupos:

a) GRUPO A: cinco vagas para alunos bacharelandos ou licenciandos, regularmente matriculados na UESPI;

b) GRUPO B: cinco vagas para alunos bacharelandos ou licenciandos, regularmente matriculados em qualquer instituição de ensino superior (IES) do Brasil reconhecida pelo MEC;

c) GRUPO C: 10 vagas para egressos de curso superior de qualquer IES.

De acordo com o professor do curso de Direito e coordenador do Esperança Garcia, Elvis Marques, poderão se inscrever os graduandos, licenciandos e egressos das áreas de Ciências Sociais Aplicadas, Ciências Humanas, Linguística, Letras e Artes, conforme estabelecido na tabela de áreas do conhecimento.

“O candidato selecionado para integrar o GEPEG deve, por semestre: publicar um artigo científico em revista qualificada pela CAPES; participar da organização de dois eventos organizados pelo GEPEG; participar das reuniões mensais via Google Meet, com frequência mínima de 80%; e apresentar relatório das atividades desenvolvidas”, explica o docente.

O professor acrescenta que, todas as atividades do GEPEG (discussões de estudos, projetos de pesquisa e de promoção de extensões) estão sendo desenvolvidas, excepcionalmente, em caráter remoto, em virtude da pandemia de COVID-19. Cessado o estado pandêmico, as atividades serão desenvolvidas de forma híbrida, mesclando atividades presenciais e à distância”, explica o docente.

Inscrições

As inscrições serão abertas na próxima quinta-feira (15) e o cronograma completo divulgado no site da UESPI e nas redes sociais do GEPEG.

Para se inscrever, o candidato deve apresentar ficha de inscrição, declaração de disponibilidade, projeto de artigo e tabela de títulos.

Serão quatro etapas: homologação das inscrições, análise do projeto de pesquisa, arguição oral e análise dos títulos. O projeto possui peso 5, a arguição oral possui peso 4 e os títulos possuem peso 1.