Uespi

Brasão_da_UESPI.512x512-SEMFUNDO

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO PIAUÍ

Brasao_Pi_h

Residentes da RIMTIA/UESPI participam de evento no Hospital da Polícia Militar

Por Vitor Manoel

Alunas da Residência Multiprofissional em Terapia Intensiva do Adulto da Universidade Estadual do Piauí (RIMTIA/UESPI) participaram, nesta terça (19), de um evento no Hospital da Polícia Militar  (HPM) em conjunto com Comissão de Humanização Hospitalar sobre o “Abril Verde”, referente à prevenção de doenças ocupacionais e acidentes de trabalho.

Residentes participam de evento de conscientização

As residentes da UESPI que participaram foram a fisioterapeuta Sarah da Silva, a enfermeira Vitoria Alencar e a psicóloga Sabrina Paulo. A parceria da UESPI com o HPM foca no ciclo de gestão, diferente de outros programas existentes no Brasil nos quais acontecem de forma assistencial.

O objetivo do evento foi de refletir sobre a prevenção à saúde do trabalhador da saúde em conexão com o “Abril Verde”, para isso atividades diferenciadas foram disponibilizadas, as palestras foram substituídas por estações voltadas ao autocuidado para esse profissional trabalhando de forma mais especifica nas áreas da Fisioterapia, Enfermagem e Psicologia.

Ações como utilização dos equipamentos de proteção individual (UPIs), manter uma alimentação saudável, manter a higiene do sono, dentre outros foram ressaltados. A Fisioterapeuta Sarah da Silva, residente da RIMTIA/UESPI, comenta que o trabalhador da saúde sofre com estresse, por ser uma profissão muito complexa. Ela comenta como a orientação sobre a higiene do sono, um dos temas tratados, é muito importante para esses trabalhadores.

“Estamos instruindo esses profissionais a adotarem hábitos no seu dia-a-dia para que possam melhorar a qualidade do sono e mostrar para essas pessoas como esse sono ruim pode trazer malefícios no dia a dia. As vezes, esse trabalhador não tem o conhecimento sobre isso, então, nós vamos tentar trazer esses fatores para fazer os esclarecimentos necessários”, comenta.

A Major Aparecida, Coordenadora do Centro de Pesquisa e Extensão e do Núcleo de Educação permanente em saúde do HPM, comenta que essa é uma prática no qual o hospital realiza e que já fazia parte do calendário do hospital, mas nesse ano foi inovada devido a parceria com a UESPI através da Residência Multiprofissional.

“Nós temos as estações que remetem a questão da multiprofissionalidade atuando e ajudando a prevenir a saúde dessas pessoa, especialmente do trabalhador, dos acompanhantes, dos acadêmicos e outros grupos que estão aqui, ou seja, esse é um programa que abraça a todos, levando em consideração que o cuidado com a saúde é muito importante”, comenta a Major.

O momento foi de troca de experiências e saberes

A coordenadora do serviço em Psicologia, Keila Costa, explica que a Comissão de Humanização Hospitalar instituída no hospital vem trazendo essa preocupação para além do paciente levando uma atenção maior para os trabalhadores de saúde, para isso foram abordados nesse encontro pautas nesse sentido. Desse modo, foram distribuídas cartilhas com orientações denominada de Checklist do Autocuidado.

O encontro aconteceu na praça de eventos do hospital e contou com a presença de coordenadores, diretores, além das residentes e de estagiários de outras instituições de ensino.