Uespi

Brasão_da_UESPI.512x512-SEMFUNDO

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO PIAUÍ

Brasao_Pi_h-1

UESPI recebe responsável pelo Programa de Aceleração do Governo

Por Clara Monte

Na manhã desta terça-feira (07), a Administração Superior da Universidade Estadual do Piauí (UESPI) recebeu a responsável pelo Programa de Aceleração do Governo Rafael Fonteles, Luciana Tsukada. O encontro tratou sobre a intenção de cooperação entre a universidade com projetos de startups, especialmente nas áreas de formação da saúde, agronegócio, turismo e tecnologia.

Reitor Evandro Alberto e Luciana Tsukada

Na oportunidade, Luciana, que também é parceira da Agência de Atração de Investimentos Estratégicos do Piauí (Investe Piauí), ressaltou que o objetivo é  contribuir com o desenvolvimento dos cursos e projetos de PIBIC E PIBIT.

“Nossa intenção no momento é apresentar planos e consultoria de aceleração dos ecossistemas, trabalhando com na internalização de startups, em busca de empresas, e parceiras que tenham interesse na instituição. Buscando interligar a universidade tanto com parceiros nacionais, quanto internacionais, trazendo soluções para as expectativas dos pesquisadores em busca das necessidades que o mercado pede”.

Administração Superior da Instituição

Para o Reitor Evandro Alberto, o principal ponto é trilhar um planejamento que mostre ao atual governo do Piauí formas que ampliem cada vez mais a tecnologia da UESPI, e para isso é necessário estimular tanto os professores, quanto alunos da real importância de projetos de pesquisa para o desenvolvimento do aperfeiçoamento do ensino e educação.

“Precisamos fomentar a vontade da nossa comunidade acadêmica na busca de pesquisas de inovação que se alinhem com os objetivos governamentais do estado dentro desse ecossistema de inovações e de tecnologias, fazendo com que a universidade cresça nessa perspectiva”.

Durante o encontro, foram apresentadas planos de como a universidade pode ampliar seus cursos e projetos dentro da rede de mercado, promovendo maior estímulos para pesquisas dentro das áreas de formação.

Segundo o Coordenador de Relações Internacionais, Prof. Dr. Orlando Berti, a Universidade Estadual tem muito o que ganhar com a consultoria de Luciana Tsukada. “Eu que sou um entusiasta da tecnologia de inovação fico muito feliz de ter alguém com experiência em startups para nos orientar melhor em certas situações. Esse conhecimento auxilia para o nosso meio acadêmico, gerando novas oportunidades internacionais, como mais chances de intercâmbios para nosso alunato”, finaliza o Diretor