Uespi

Brasão_da_UESPI.512x512-SEMFUNDO

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO PIAUÍ

Brasao_Pi_h

UESPI promove primeira palestra com o tema “Mecanismos Institucionais de Combate à Discriminação”

Por Giovana Andrade

O Programa Estadual Pró-Equidade de Gênero, Raça e Diversidade do Piauí representado pela Profª Ma. Hilziane Brito da Universidade Estadual do Piauí (UESPI) no Comitê Estadual, organiza a primeira palestra com o tema “Mecanismos Institucionais de Combate à Discriminação”, ministrada pelo docente da UESPI Prof. Dr. Ruan Nunes Silva, do campus de Parnaíba. O evento acontece no Auditório do Palácio Pirajá, no dia 30 de agosto às 09 horas, sendo uma ação integrada à Semana da Diversidade.

O Programa, organizado pela Coordenadoria Estadual de Políticas para Mulheres (CEPM), está em sua segunda edição e tem como objetivo difundir novas concepções na gestão organizacional, combatendo as discriminações e desigualdades de gênero, raça e diversidade, praticadas no ambiente de trabalho.

A UESPI aderiu a esta segunda edição do Programa Estadual Pró-Equidade de Gênero, Raça e Diversidade tendo como missão estabelecer mecanismos que cumpram os objetivos acima citados dentro da instituição, com ações voltadas para seus docentes, servidores e colaboradores no que tange a orientações sobre assuntos como questões de gênero e orientação sexual; assédio moral e sexual; discriminação racial; pessoa com deficiência, entre outros, em busca de uma universidade cada vez mais inclusiva.

A Profª Ma. Hilziane Brito ressalta que conta com o apoio de um Comitê interno da UESPI, formado pela Profª. Ma. Sammara Jericó, Profª Dra. Bárbara Melo, Profº Dr. Pedro Pio e pela Servidora Ma. Sara Alves, que auxiliarão nas atividades a serem executadas, a fim de que a UESPI seja prestigiada com o selo de Pró-Equidade no fim deste ano.

“O comitê interno da UESPI ainda está organizando um calendário de atividades a serem desenvolvidas neste segundo semestre, mas já temos duas ações agendadas. A primeira será a palestra do dia 30 de agosto, às 09h, no auditório do Palácio Pirajá, o segundo encontro está planejado para outubro, tendo como foco a conscientização sobre assédio moral no ambiente de trabalho e em setembro iremos desenvolver uma campanha publicitária com auxílio da ASCOM/UESPI, além de um podcast com o tema violência de gênero desenvolvido pelas docentes Profª. Ma. Sammara Jericó e a Professora Bárbara Johas que será publicado no site ”.

Destaca, ainda, que no dia 2 de agosto aconteceu de forma virtual um encontro com todos os diretores dos Campus do interior do estado a fim de repassar noções sobre o Programa. Será feito o mesmo com os setores da UESPI da capital de forma presencial.

“Ainda estamos planejando. Está sendo tudo bem pensado para melhorar a nossa organização. Reconhecemos a importância do Selo Pró-Equidade para nossa instituição de ensino superior, que tem tido suas diretrizes pautadas também na equidade, inclusão, acessibilidade e acolhimento”, finaliza.

Reunião com os diretores do interior