Confira as histórias da #SemanaDasMães da nossa UESPI – Uespi

Confira as histórias da #SemanaDasMães da nossa UESPI

Por Anny Santos

A Universidade Estadual do Piauí (UESPI), através da Assessoria de Comunicação, promove a campanha #SemanaDasMães com o intuito de homenagear docentes, discentes, técnicas e demais funcionárias que contribuem para o desenvolvimento da nossa instituição, contando um pouco de suas histórias como mulheres, mães e profissionais.

Sonia Maria da Conceição, funcionária da UESPI há quase de 42 anos, sendo uma das mais antigas, relata sua trajetória dentro da instituição e alguns dos seus desafios pessoais ao conciliar o papel de ser mãe. Segundo ela o mais importante de sua vida é a área profissional mesclada com esse papel de ser mãe, ressaltando a importância da universidade nesse processo.

Sonia Maria da Conceição

Sonia Maria da Conceição

“Comecei a trabalhar na UESPI muito jovem e já se passaram 42 anos. Hoje sou mãe, avó e realizada profissionalmente. Criei meus três filhos trazendo eles ainda pequenos para me acompanhar. Hoje, dois deles já estão formados e são profissionais de Enfermagem. Costumava dizer que a UESPI era minha primeira casa, mas, após constituir a minha família, ela se tornou minha segunda, o que não tira ou diminui sua importância para mim. Tenho muito amor por essa instituição e sou muito grata, pois foi um casamento que deu certo”.

Para Dona Sônia o papel mais importante de sua vida é o de ser mãe e a maternidade lhe ensinou a amar e ser amada. “Ser mãe é um dos privilégios mais lindos que Deus me deu. Sou mãe de três pessoas maravilhosas e sou a avó mais feliz do mundo. Posso dizer que sou realizada como mulher, mãe, avó, esposa e profissional. A minha família é a minha base e sou grata por ter minha historia atrelada a instituição que foi e é tão importante em minha vida”, finaliza Sonia.

Francisca da Paixão Alvarenga, popularmente conhecida como “Paixão”, é funcionária da UESPI desde os seus 18 anos. Ela nos conta que iniciou sua vida profissional como zeladora e o trabalho na universidade lhe incentivou a seguir com os estudos, se formando em Geografia pela UESPI, também sendo especializada em Gestão e Coordenação Escolar. Paixão também relata a importância do papel de ser mãe em sua vida.

Francisca da Paixão Alvarenga

Francisca da Paixão Alvarenga

“Hoje sou Secretária Executiva e minha formação se deu graças à Universidade. Criei os meus filhos aqui dentro e sou extremamente grata por todos os anos que passei aqui, cada momento foi e é especial. Os meus filhos representam tudo para mim e ser mãe é a coisa mais linda do mundo, além disso, sou avó e posso garantir que essa é uma das maiores alegrias da minha vida”, destaca Paixão.

Ao longo da semana daremos voz a essas mulheres que representam inúmeras outras. Acompanhe nossas matérias.

Paixão com seu filho mais novo, Mikael, e seus netos

Paixão com seu filho mais novo, Mikael, e seus netos

Paixão e suas filhas, Sandra e Josiane

Paixão e suas filhas, Sandra e Josiane