Uespi

Brasão_da_UESPI.512x512-SEMFUNDO

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO PIAUÍ

Brasao_Pi_h

Alunos do Estágio Obrigatório do curso de Jornalismo divulgam Boletim “UESPI QUE PESQUISA”

Por Leonardo Dias 

A Assessoria de Comunicação da Universidade Estadual do Piauí (ASCOM/UESPI) recebeu sete discentes do curso de Jornalismo,  campus Torquato Neto, para o Estágio Obrigatório. Para marcar a atividade deles, juntos resolveram criar um Boletim voltado para as pesquisas científicas. O Boletim foi intitulado  “UESPI que Pesquisa”.

Vai ser uma publicação semanal com reportagens sobre as mais diversas pesquisas realizadas pela comunidade acadêmica e que estão cadastradas na Pró-reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação (PROP).

Capa do UESPI que pesquisa 

O Boletim “UESPI que Pesquisa” está sendo desenvolvido em parceria da ASCOM com os discentes do 8º bloco do curso bacharelado em Jornalismo. Toda semana os estagiários iram divulgar um boletim com diferentes temáticas abordando principalmente as pesquisas e os projetos desenvolvidos nos campis. Os textos e a diagramação são feitos pelos próprios alunos e supervisionado pela Professora de Estágio, Sammara Jericó Alves Feitosa, que também é Diretora da ASCOM.

“Eu fico duplamente feliz com essa parceria do curso de Jornalismo com a Ascom. Sou a Professora orientadora do Estágio e, ao mesmo tempo, estou à frente da Ascom, então, consigo ainda contribuir para o desenvolvimento profissional desses que fazem o estágio na assessoria. Acompanho eles bem de perto e isso já alivia a saudade que vão deixar no curso”, relata a Professora.

Os alunos Clayton Gomes e Luanderson Rodrigues são os primeiros a elaborarem as matérias para o UESPI QUE PESQUISA.

“Tem sido uma boa experiência. Eu já tive a oportunidade de trabalhar na ASCOM-UESPI como estagiário bolsista e lá aprendi muito do que sei hoje. E aí ter a oportunidade de voltar agora, já na reta final do curso, tem sido muito legal. Até porque eu mudei a minha área de atuação ao longo do curso, fui mais para o lado do marketing. Então, eu perdi aquele ritmo de entrevistar pessoas e fazer matérias, mas estou tendo a oportunidade de praticar isso novamente, evoluir, ser orientado e senti a empolgação por parte das pessoas que entrevistei. As alunas ficaram felizes por estarmos dando espaço a elas e apresentando suas pesquisas a todos os uespianos. E é isso que faz o jornalista: dar espaço. Trabalhos tão bem feitos e importantes merecem reconhecimento, e damos isso. Trabalhamos para isso”, explica o aluno Clayton Gomes.

Para o discente Luanderson Rodrigues, o UESPI que Pesquisa tem dupla função: dar visibilidade a quem pesquisa e incentivar aqueles que desejam seguir pelo mesmo caminho. “A UESPI que pesquisa, se trata de uma série de matérias contando um pouco sobre as pesquisas relevantes realizadas no ambiente acadêmico da universidade estadual. A temática é importante, pois, incentiva os alunos e docentes a também despertarem o desejo pela pesquisa, por conhecerem que nossa instituição existem pessoas, talentosas, objetivadas em desenvolver atividades tão necessárias ao universo científico”, finaliza.

UESPI que Pesquisa – Volume 01

Na Universidade Estadual do Piauí atualmente são cerca de 662 (seiscentos e sessenta e duas) pesquisas em execução e cadastradas pela Pró-Reitoria  de  pesquisa e Pós-Graduação em todos os campi.

O texto que o aluno Clayton Gomes aborda tem como tema: Estudante da UESPI cataloga e legenda mais de 100 fotografias do Museu do Trem, em Parnaíba. A pesquisa é feita pela estudante Maírla Silva, do 6º bloco de Licenciatura em História, no campus Alexandre Alves de Oliveira, em Parnaíba-PI.

Já a do discente Luanderson Rodrigues tem como tema: Pesquisadores da UESPI desenvolvem projeto utilizando mudas de tomate produzidas em substrato à base de paú de Babaçu. A pesquisa é Coordenada pela Professora Anarlete Ursulino Alves, juntamente com sua orientanda, Aila Diniz, que são do Curso de Engenharia Agrônomica da UESPI – Campus de Uruçuí.

Acompanhe o volume 01 do UESPI que Pesquisa no link abaixo. 

Volume 01 Uespi que pesquisa